expr:class='"loading" + data:blog.mobileClass'>

Subscreve a Newsletter Semanal

quarta-feira, 18 de abril de 2018

César e Gabriela - Relação doentia ou actores revelação?



Este ano de 2018 trouxe novidades no que toca a Reality Shows em Portugal. Primeiro, o regresso da Casa dos Segredos e, depois, um novo apresentador na sétima edição deste fenómeno televisivo. Ao contrário do que seria de esperar, não é Manuel Luís Goucha o motivo para vir finalmente debruçar-me sobre o programa. 

Já não 14 anos depois, mas 18 anos depois da primeira aventura, continuamos a ver a repetição no comportamento humano, quando se misturam pessoas que não se conhecem, em ambiente fechado e controlado. Muitas discussões. Demasiadas paixonetas. Algumas empatias sinceras e que culminam em amizades verdadeiras, mesmo quando a aventura termina e a vida real começa. 

Depois de ter comentado a Vitória esmagadora da Helena, na edição anterior, volto a sentir-me compelida a falar na Casa dos Segredos e nos seus protagonistas. Porque esta é, de facto, uma edição diferente e que nos apresenta novos enredos. Logo a começar, um casal homossexual, casados e com uma estratégia que tem ludibriado todos os companheiros e apaixonado todos os portugueses. Se contribuírem para diminuir o preconceito e a homofobia numa pessoa que seja, já terá valido a pena a sua participação. 

Quanto à noite de sexo inconsequente que tanto deu que falar na semana passada e que muito contribuiu para a expulsão do intragável Nuno, nem é preciso falar porque os factos falam por si. Poderia ter sido algo banal ou, pelo menos, sem grande polémica associada, não fossem as atitudes de um e de outro nos intervalos entre o primeiro beijo e a queca propriamente dita. Fora isso, nada mais existe a acrescentar e a mim não me apetece falar nisso. 


O que me tem feito comichão na planta dos pés é apenas e só aquela relação conturbada de César e Gabriela. Se a mim, que estou cá fora e apenas vejo os resumos do que se passa, me irrita sobejamente o que este casal nos dá, eu só posso imaginar o inferno que deverão viver aqueles pobres coitados que partilham a casa com eles. Assistir às suas discussões de manhã, de tarde e de noite, serem arrastados para elas, porque cada um luta pelo apoio dos outros residentes, terem de suportar os gritos da Gabriela e os seus intermináveis ataques de choro seriam razões mais do que suficientes (e mais válidas que muitas que tenho ouvido ao longo de 18 anos) para pedir para sair com máxima urgência. 

Se a princípio pareciam inseguranças derivadas da sua experiência passada e da sua tenra idade, passado pouco tempo, a conclusão mais óbvia estava relacionada com problemas psicológicos graves e que precisam de tratamento urgente, sob pena da rapariga surtar de vez e ter como destino final uma qualquer casa psiquiátrica. Por fim, chegaram as teorias mais conspirativas, onde ninguém consegue acreditar que alguém mantenha uma relação, de tal ordem doentia, por longos cinco anos. 

É nesta altura em que começamos a acreditar em tudo, só para não ter que considerar real o que os nossos olhos nos dizem. É impossível sobreviver numa relação assim, certo? Surgem, assim, os primeiros rumores de que esta é uma estratégia combinada por ambos previamente e que estão a representar papéis, com o único intuito de dar nas vistas e garantirem o protagonismo nesta edição. 

A questão é, será possível fingir um comportamento tão peculiar e extremado por tanto tempo? Será que estamos perante uma relação doente e onde ambos precisam de ajuda para ser felizes? Ou serão ambos dois actores de mão cheia que nos andam a enganar a todos? Diz-me, nos comentários, qual a tua opinião sobre estes dois, César e Gabriela. 

8 comentários:

  1. É de certeza uma relação doentia!! É mesmo algo que está a fazer mal aos dois...

    Novo post: http://abpmartinsdreamwithme.blogspot.pt/2018/04/ootd-75-classic-look.html

    Beijinhos ♥

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Bem, disso não há dúvidas! Mal aos dois, a quem vive com eles neste momento e a todos os que assistem ao programa!

      Eliminar
  2. Concordo completamente com tudo. Já ninguém pode com a Gabriela. A sério, irrita já. Espero que saia no domingo!
    E a Isabella também está lá a fazer o quê? NAda, passa a vida a chorar e abraçada ao outro.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Infelizmente, não me parece que a rapariga vá sair no Domingo, mas era o melhor para todos, até para a própria!

      Eliminar
  3. Muito sinceramente acho que ele é bissexual e super falso, por isso a tua teoria pode sim estar correcta...mas na minha opinião penso que não seja jogo, ela não ia aguentar muito fazer esse tipo de papel :)

    AZUENTURE

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Pois, também acho muito difícil fingir durante tanto tempo mas vá-se lá saber!

      Eliminar
  4. Já desisti de ver a Casa dos Segredos e quejandos, porque é sempre mais do mesmo e o meu stock de paciência para isso já esgotou. Assim, não faço ideia do que falas, contudo, acho muito difícil fingir 24h sobre 24h, especialmente numa relação amorosa. A minha opinião é que acabas sempre por te revelar. Infelizmente, acho muito mais provável ser uma relação doentia, porque é o que não falta por esse mundo fora...

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. De facto, existem por todo o lado mas custa um pouco mais quando nos colocam à frente dos olhos, mais ainda de uma forma tão crua. Além de ser um péssimo exemplo, pois passa a imagem de que é normal ter uma relação doentia, quando isso está longe de ser verdade.

      Eliminar

Obrigada pela visita e pelo comentário. Terei todo o gosto em responder muito em breve.
*Não esquecer de marcar a caixinha para receber notificação quando a resposta ficar disponível.
Até breve!