expr:class='"loading" + data:blog.mobileClass'>

Subscreve a Newsletter Semanal

segunda-feira, 21 de janeiro de 2019

A Banda Sonora da Semana #38


A Banda Sonora da Semana #38 com um livro de George Orwell, um filme de Sofia Coppola e música de Jacques Brel

No final desta semana ficarei mais velha, coisa desagradável, eu sei, mas ninguém que queira viver se livra do passar dos anos e dessa contagem obrigatória. Eu continuo sem gostar de festejar e considero que esse dia é o verdadeiro início do meu novo ano e o momento em que faço o meu balanço pessoal, tomando consciência do ponto onde me encontro e do que quero ainda fazer com a minha vida. Os sonhos que ainda quero sonhar, os projectos que quero começar, os lugares que quero conhecer, as paixões que quero viver. Ainda não concordo com essa coisa de que os trinta são os novos vinte, mas até ao momento tem sido agradável atravessar esta fase. O que ainda me reservarão os trinta? 

Efemérides de 21 de Janeiro


1793 - O rei deposto, Luís XVI de França é executado na guilhotina. 
1863 - É fundada a empresa automobilística Opel. 
1338 - Nasceu Carlos V de França.
1905 - Nasceu Christian Dior, estilista francês. 
1924 - Morreu Vladimir Lenin, primeiro-ministro da União Soviética. 
1950 - Morreu George Orwell, escritor e autor britânico. 

A Banda Sonora da Semana #38 com um livro de George Orwell, um filme de Sofia Coppola e música de Jacques Brel

Como vem sendo hábito, vamos começar pelo livro. Voltamos a um autor que já aqui tinha sido sugerido e cuja opinião publiquei aqui. Depois de ter lido e adorado o seu livro mais famoso, fiquei com muita vontade de ler outras coisas de George Orwell. Deste modo, aqui fica a sugestão para uma próxima leitura de uma alegoria, A Quinta dos Animais. Consideras uma boa opção? 

A Banda Sonora da Semana #38 com um livro de George Orwell, um filme de Sofia Coppola e música de Jacques Brel

É impossível falar de Luís XVI de França sem pensar na sua famosa esposa e por isso logo me lembrei, quando vi o nome do monarca francês, deste filme que ando para ver e constantemente adio de forma vergonhosa. Já viste este filme de Sofia Coppola? Vou procurar vê-lo nos próximos dias e em breve conto-te de minha justiça! 


E com tantos franceses em destaque, tinha de escolher uma música francesa para nos acompanhar durante esta semana. Confesso que não conheço nada da música francesa da actualidade, por isso decidi escolher um clássico. Quem não conhece Jacques Brel? E quem lhe resiste??

sexta-feira, 18 de janeiro de 2019

Uma noite com... #155


Uma noite com... #155 com Tiago Teotónio Pereira

Uma noite com... #155 com Tiago Teotónio Pereira

Uma noite com... #155 com Tiago Teotónio Pereira

Uma noite com... #155 com Tiago Teotónio Pereira

Uma noite com... #155 com Tiago Teotónio Pereira

Uma noite com... #155 com Tiago Teotónio Pereira

Uma noite com... #155 com Tiago Teotónio Pereira

Uma noite com... #155 com Tiago Teotónio Pereira

Uma noite com... #155 com Tiago Teotónio Pereira

Tiago Teotónio Pereira
Mais um gato que anda a mostrar o seu talento para abanar o corpinho no Dança com as Estrelas, na TVI.

Podes ver os gatos das semanas anteriores aqui.

quinta-feira, 17 de janeiro de 2019

És de Esquerda ou de Direita?


És de Esquerda ou de Direita?

Em 2019 os actos eleitorais irão marcar presença de forma muito marcada e com importantes decisões que todos precisamos tomar. Sem referir as eleições da Madeira, por serem locais, vamos começar por eleger os deputados para o Parlamento Europeu, em Maio, e iremos terminar o ano com as eleições para eleger o próximo Governo, em Outubro. 

Como sabes, tenho muito interesse pelos assuntos da política porque são os políticos e as suas decisões que influenciam a vida e o país que temos na grande maioria das vezes e não gosto de viver alheada dessa realidade nem me demitir dos meus direitos e obrigações no que toca a eleger quem me governa. Aliás, foi isso mesmo que defendi aqui, quando defendi a importância de ir votar, cumprindo um direito que foi conquistado por gerações de pessoas que, na sua época, não podiam exercer este direito que agora achamos que está garantido.

Relativamente à política, também reflecti um pouco sobre o que leva a que os políticos queiram vencer as eleições e sobre as motivações que deveriam estar presentes em cargos de tamanha importância. E apesar das discussões que andam por aí, muito relacionadas com a crise na Direita e, mais concretamente, no PSD, não é disso que quero falar hoje.

O meu foco não está preso nos políticos, desta vez. Quero me focar nos eleitores, em todos nós, pessoas com idade de votar e de tomar decisões importantes para o país. Quero ponderar nos motivos que nos levam a optar por um candidato ou por um partido. Será que ainda faz sentido pensar em Esquerda e Direita?

Eu admito que me considero muito mais de Direita do que de Esquerda. Sobretudo, porque defendo que o Estado deve ser mais pequeno e ter menos participação como dono de empresas e mais como regulador do que as empresas podem ou não fazer, sem ser uma parte interessada nos negócios. Além disso, também não demonizo os patrões, que criam riqueza e postos de trabalho. Claro que, com isto, não estou a defender quem explora os empregados nem a diminuir os direitos dos trabalhadores, tão duramente conquistados.

Por outro lado, não sou uma pessoa conservadora e não defendo muitas das posições que são, regra geral, atribuídas a pessoas de Direita. Nunca fui contra a despenalização do aborto, ou contra a legalização do casamento homossexual ou contra a adopção por esses mesmos casais. Só para dar alguns exemplos, está bom de ver.

E é por não me sentir totalmente representada por esta dicotomia que separa Esquerda e Direita, que penso que esta separação está a ficar obsoleta e não cria identificação com os eleitores, pelo menos, não com aqueles que pensam pela sua cabeça e não seguem uma cartilha sem dela fazer reais julgamentos.

Ainda por cima, parece-me que se debate de forma muito fraquinha em Portugal. Ouve-se muita gente falar do que quer para o país, que até acaba por ser transversal, mas pouco debate concreto sobre as medidas que defendem como forma de chegar e alcançar esse objectivo. Chego a pensar que os políticos sentem que não precisam de se esforçar com debates sérios porque ninguém está verdadeiramente interessado. Como se o que interessasse fosse a análise feita pelos jornalistas e comentadores políticos que irá surgir na comunicação social no dia seguinte.

A dúvida que fica é saber se temos políticos medíocres porque somos eleitores desinteressados, ou somos eleitores desinteressados porque temos políticos medíocres. Parece uma pescadinha de rabo na boca que não há forma de combater. Como resolver este problema e atrair pessoas de valor e com valores para os cargos políticos?

De qualquer modo, penso que a abstenção não é a solução, meus amigos. Até porque ir votar não te obriga a votar em ninguém, se não tens um candidato que te represente. Podes votar em branco e com isso manifestar devidamente o teu desagrado, se for caso disso. Só assim podes reclamar do estado a que chegou o país e da forma irresponsável como nos governam.

Agora conta-me, ainda te sentes representado pela ideia de Esquerda e Direita? Vais votar nas próximas eleições ou tens coisas melhores para fazer? Partilha o que pensas nos comentários e vamos debater ideias, coisa saudável e rara nos dias que correm. 

quarta-feira, 16 de janeiro de 2019

#Review - Sea Box by Vivadogs


#Review - Sea Box by Vivadogs

Hoje tenho o prazer de te apresentar uma opção para seres surpreendida e mimares, ao mesmo tempo, o teu animal de estimação. Falo especificamente dos cães lá de casa que adoram receber brinquedos novos, snacks diferentes e ainda contém um produto de higiene, que os donos agradecem. Gostas desta ideia? 

Pois que descobri, por acaso, entre os anúncios que o Facebook teima em nos mostrar, este site e, como pessoa curiosa que sou, decidi ir dar uma vista de olhos e ver melhor do que se tratava. Afinal, tanto se fala de caixas de beleza e de maquilhagem que subscrevemos e recebemos produtos surpresa em casa. Já ouvi falar, inclusivamente, de caixas de livros, conceito que ainda não chegou a Portugal. Agora uma caixa com produtos para os nossos lindos cachorros desconhecia a existência. 

#Review - Sea Box by Vivadogs

A verdade é que, depois de visitar o site da Vivadogs, fiquei rendida ao conceito e tratei logo de aproveitar o voucher que me dava 50% de desconto na minha primeira encomenda. A encomenda segue sempre no final de cada mês, sendo que, se encomendares antes de dia 25, a tua primeira caixa chega no próprio mês. Se encomendares depois de dia 25, recebes no final do mês seguinte. 

#Review - Sea Box by Vivadogs

Os portes de envio são oferta e depois de confirmares a tua subscrição e forneceres alguns pormenores sobre o teu cão, só precisas de aguardar que a primeira caixa te chegue a casa. Como podes ver a caixa vem com muitos detalhes fofinhos e que nos derretem o coração. Aquele papel que protege os produtos é mesmo giro e vem tudo muito bem acondicionado. 

#Review - Sea Box by Vivadogs

Cada caixa tem uma temática e a que recebi estava sob o tema do Mar. Cada caixa traz cinco ou seis produtos, conforme decidires na subscrição. Eu optei pela opção mais simples e que contém dois brinquedos, dois snacks e um acessório. Desta forma, nesta box recebi um champô de maçã verde, um pacote de snacks para treinar cachorros - muito apropriados, por sinal -, uma embalagem de snack de pato e batata doce e os dois brinquedos que podem ver na foto. 

Dois brinquedos que foram divididos pelos meus dois cães. Claro que isto é muito bonito na teoria. Na prática um só quer o que o outro tem. E assim se vão entendendo na luta pela posse do brinquedo do momento. A sorte é que as brigas são pacíficas e servem mais como forma de brincadeira do que de conflito a sério. 

#Review - Sea Box by Vivadogs

Este é o Fofo a destruir com determinação o lindo sapo verde que recebeu. Devo dizer que este bicho é um destruidor nato e só encontrei uma bola que lhe sobrevivesse. Como tal, apesar de mais resistente que o outro, neste momento, do sapo já nada sobra. Ainda andou por aqui por casa umas fitas verdes que escaparam, mas quer-me parecer que agora já nada existe do querido sapo. 

#Review - Sea Box by Vivadogs

Esta é a criança da casa, o Talismã, e que se entreteve a brincar com o tronco que, como dá para ver na foto, já se encontrava um tanto ou quanto danificado. Pois que não chegou inteiro ao final do dia. O Fofo desfez o tronco em mil pedaços e acabaram a lutar pela posse do sapo, único sobrevivente na altura. 

É mesmo no que toca aos brinquedos que não me sinto totalmente satisfeita, mas a culpa é das feras cá de casa, autênticas bestas destruidoras que não descansam enquanto não destroem tudo quanto lhes vá parar à boca. Gostei tanto desta experiência que aproveitei uma campanha neste início de ano e fiz a subscrição por 12 meses, de forma a obter um melhor preço mensal. 

E tu, já conhecias a Vivadogs? O que achas deste conceito? Achas que o teu cão ia gostar de receber uma caixa com presentes só a pensar nele todos os meses? 

terça-feira, 15 de janeiro de 2019

#Livros - Sem Segredos!, de Marco Costa


#Livros - Sem Segredos!, de Marco Costa

Sinopse

Depois do sucesso de Receitas com Segredo - actualmente com 14 edições -; de uma rubrica televisiva, Tortas e Travessas, ao lado de Fátima Lopes, no programa A Tarde é Sua, que conquistou o seu lugar nas preferências das audiências; e dos incontáveis pedidos do seu crescente e exigente número de fãs para que publicasse mais receitas, surge agora Sem Segredos!, o novo livro de receitas de Marco Costa, o pasteleiro mais famoso da televisão portuguesa. 

Tal como as do livro anterior, são receitas caseiras, genuínas, com o toque pessoal do autor, que exalam carinho e felicidade. São bolos, tartes, bolachas, brigadeiros, queijadas e muitos outros doces, para comer e chorar por mais! Dos Brigadeiros de Coco à Tarte de Limão Merengada, passando pelos famosos Ovos de Chocolate e o Bolo-Rei de Nutella, não há como não cair em tentação. 

Mas há igualmente espaço para doces em versão mais saudável como o Bolo de Chocolate sem Farinha, os Brownies Saudáveis ou os Queques Saudáveis. E o Marco dá igualmente ideias para comemorarmos os dias que nos são mais queridos, seja o Dia dos Namorados, do Pai, da Mãe, o Natal, entre outros, ou até mesmo os mais divertidos, como o Carnaval e o Halloween. Deitem mãos à obra, experimentem fazer as receitas, provem, lambuzem-se, dêem a provar e sejam felizes! 

Se gostaram do Receitas com Segredo vão adorar este Sem Segredos!

Opinião

Este é mais um livro que consta nas minhas sugestões de livros para oferecer no Natal e que serve perfeitamente para aniversários e outras datas comemorativas onde queremos presentear alguém de quem gostamos muito. Foi o que fiz neste Natal, quando ofereci este livro à minha mãe que adorou como já sabia que aconteceria.

Podes ler também a opinião sobre Receitas com Segredo, o primeiro livro de Marco Costa.

Marco Costa é um verdadeiro caso de sucesso e um exemplo para todos os participantes de Casas dos Segredos e afins. Trata-se de alguém que viveu aquela experiência sem nunca perder o foco do que queria fazer, sem se limitar à vida das presenças e dos regressos à casa. Tirou partido do seu talento na pastelaria e usou a exposição pública para dar a conhecer os seus doces ao país e assim impulsionar a criação do seu negócio.

Depois de ter adorado e posto em prática algumas das sugestões do primeiro livro, Receitas com Segredo, livro esse que também foi um presente para a minha mãe, verdadeira fã do Marco, já sabia com o que poderia contar ao comprar o novo. A qualidade e a genuinidade são já imagens de marca deste rapaz.

#Livros - Sem Segredos!, de Marco Costa

Além das receitas serem deliciosas e das mais variadas, capazes de agradar a todos, as fotografias que acompanham o livro são de muito bom gosto e ilustram bem não só as próprias receitas e os ingredientes como também mostram momentos de boa disposição na fábrica do Marco, onde a mãe a a avó não deixam de marcar presença.

#Livros - Sem Segredos!, de Marco Costa

Por falar na mãe e na avó de Marco Costa, é muito bonita a homenagem que ele sempre faz nos seus livros às mulheres da sua vida. No primeiro, partilhou uma receita da sua mãe e agora partilhou um doce típico do seu Natal cuja receita é da sua avó, onde nos contou ainda, no prefácio, a história que gira em torno desta receita e das memórias da sua infância.

#Livros - Sem Segredos!, de Marco Costa

Acredito que uma das grandes razões do sucesso destas receitas são a simplicidade da execução. Os ingredientes utilizados são fáceis de encontrar e arrisco a dizer que a maioria são produtos que temos em casa habitualmente. Além disso, os passos para a execução das receitas são do mais simples que já encontrei e sem serem infinitos. Com poucos procedimentos, nada complicados, qualquer um se sente capaz de pôr em prática as receitas que o Marco nos sugere.

Todos conhecemos livros de receitas, lindos de morrer e de fazer crescer água na boca, mas que na hora de confeccionar perdemos a coragem pela dificuldade que pressentimos ao ler atentamente. Com este Sem Segredos! isso não te vai acontecer, posso te garantir.

Pela parte que me toca, estou muito satisfeita com este livro e com a desculpa perfeita que constitui a predilecção da minha mãe por este rapaz. Posso dizer, inclusive, que já reforcei o stock de ovos no frigorífico para me dedicar em breve a pôr em prática algumas das novas receitas do Marco.

Já conheces as receitas do Marco Costa? Qual a tua favorita?

Podes encomendar o teu exemplar na Wook, com 10% de desconto imediato e portes grátis.