quinta-feira, 30 de março de 2017

Passatempo - Parceria Oriflame by Orineves



Já é do teu conhecimento e de todos os que por aqui vão pousando os olhos que sou uma pessoa de palavra, que tenta não prometer nada que não possa cumprir. Além do pormenor técnico de adorar oferecer presentes às pessoas. É esta combinação entre as minhas promessas, os meus desejos e parceiros fantásticos que vai permitir o lançamento de mais um passatempo que não vais querer perder. 

O que pretendo é que te juntes a mim e possas comemorar comigo o início de mais uma parceria de sucesso. E se tens andado no mundo da lua e não sabes do que falo, podes recuperar a informação que perdeste no post onde apresentei a parceria com a Equipa Orineves

Portanto, o que preparei para ti é um conjunto de produtos da Oriflame, especialmente seleccionados para te fazer ainda mais feliz. O que irás receber no conforto do teu lar não se encontra na lista de produtos que recebi e sobre os quais irei dar a minha opinião muito em breve, porque os produtos que se seguem serão só para ti e são novinhos em folha. 

E os prémios são:


  1. Bálsamo de Lábios Love Nature- Morango
  2. Gel Styling Fixação Invisível HairX, 100 ml
  3. Creme de Mãos Oriflame Golden Edition, 30 ml
  4. Kit de Manicure
Para te habilitares a estes quatro prémios fantásticos, só precisas de:



Algumas regras:

  • Só é permitida uma participação por pessoa.
  • Passatempo válido para Portugal Continental e Ilhas.
  • O nome do vencedor será divulgado aqui e será contactado por e-mail, ao qual terá de responder em 48 horas. Se o prémio não for reclamado nesse prazo, será realizado novo sorteio.
  • Termina em 14 de Abril.
Boa sorte, pessoas! 

terça-feira, 28 de março de 2017

Quem disse que os 30 são os novos 20?



Anda por aí, nas bocas do mundo, esta ideia absurda de que os trinta são os novos vinte. Uma ideia que nos leva a pensar e acreditar que é possível atravessar o passar dos anos e manter a leveza ou a inocência ou o vigor ou até o nível de loucura, características tão fáceis de encontrar em pessoas de vinte e poucos anos. 

É certo que a minha experiência nesta coisa de ter trinta anos ainda é um pouco recente, o que não invalida que aqui partilhe a minha opinião, como vem sendo hábito. Para começo de conversa, tenho de admitir que os trinta trazem imensas coisas boas. Nomeadamente, certezas. 

Não necessariamente certezas acerca do que quero, mas sobretudo sobre o que não quero. A tolerância para fazer fretes atinge picos nunca vistos. A vontade de ir a sítios desinteressantes ou de perder tempo com pessoas sem um pingo de assunto. Tudo coisas que, por esta altura, começam a estar completamente fora de questão. 

No entanto, é preciso avisar as pessoas que os trinta não são um mar de rosas. Vejamos, eu era a pessoa que sobrevivia sem dormir uma semana inteira, se preciso fosse, sem deixar de trabalhar e a curtir noite atrás de noite, sem pensar sequer nesse fenómeno conhecido como ressaca. Actualmente, no alto dos meus trinta e um anos, depois de uma noitada longa e com uns copitos em cima, o dia seguinte nunca foi tão penoso, meus amigos. 

O problema não é aguentar durante a tal noitada, que sou pessoa resistente ao sono e cansaço, especialmente se me estiver a divertir e em boa companhia. O grande problema vem no dia seguinte. Sinto que fui atropelada por um camião, daqueles bem grandes, com uma total percepção da existência da minha cabeça em cima dos ombros, tais são as dores de cabeça. 

Já para não falar que a recuperação demora, pelo menos, uma semana a estar concluída. É verdade que aos trinta estamos mais interessantes que nunca, que a nossa mente nunca esteve tão clara e as escolhas são bem mais fáceis de tomar. Contudo, ninguém nos avisa que o corpo não acompanha esta evolução mental. Como tal, aqui estou eu a avisar-te para que não sofras as mesmas desilusões e surpresas que me têm surgido, como pipocas a saltar na panela. 

Quer-me parecer que esta tentativa forçada de florear a passagem dos anos, só nos traz ainda mais pressões. Pressões para estarmos mais bonitas, mais magras, mais disponíveis, mais empenhadas em ser a mulher perfeita, quase uma obrigação de que temos de aceitar a idade com um sorriso e fazer para que nem se note que os anos passaram e deixaram as suas marcas no espírito e no corpo. 

Pessoalmente, a perfeição aborrece-me. As imperfeições é que nos tornam pessoas únicas e especiais e são o que mais me atrai nos que me rodeiam. Até à data, tenho lidado bem com o envelhecer, muito embora ainda não tenho provado o verdadeiro fel do assunto. Mas admito que fico triste com esta coisa do corpo não nos acompanhar de forma equilibrada. Por um lado, a nossa mente evoluí, cada vez mais ágil e veloz, com mais conhecimentos e experiência de vida. Por outro, o corpo perde vigor e energia, definhando e colocando barreiras no que antes era fácil e simples. 

Por isso, vamos lá deixar de querer abrilhantar o envelhecimento e passar a viver intensamente cada ano! Quanto a ti, como lidas com a tua idade? Acreditas que os 30 são os novos 20 ou concordas comigo que isto é uma treta?

segunda-feira, 27 de março de 2017

Desafio de Cinema (17/52) - Dá vontade de viajar



Tal como acontece com a literatura, através do Cinema viajamos para os lugares mais inacreditáveis do mundo. E pela sua componente visual, por vezes, é fácil sentir que estamos mesmo nesses lugares de corpo e alma. É a magia que só as artes introduzem às nossas vidas, tornando-as ainda mais especiais e únicas. 

E é precisamente esse o tema do Desafio de Cinema desta semana, filmes que nos deixam com vontade de viajar. Eu como sou uma pessoa que não precisa de muitos incentivos para ficar com uma imensa vontade de fazer as malas e conhecer mundo, encontro inspiração em tudo o que vejo. No entanto, existem alguns filmes que aguçam ainda mais esta vontade. 

Como é o caso do filme que escolhi para ti, esta semana. Aliás, este filme poderia ser incluído em outras categorias que já foram publicadas neste desafio, como o filme com a minha actriz favorita ou o filme inspirado num livro. Contudo, este é o tema que lhe assenta que nem uma luva.

Bem, já chega de mistério porque já deves estar em pulgas. O filme desta semana é o incontornável "Comer, orar e amar", com a linda Julia Roberts e que se passa durante uma viagem de auto-conhecimento que a própria autora do livro realizou por três países. As imagens são lindíssimas e a história, muito bem construída, transporta-nos por três realidades bem distintas entre si. 

Depois de ver este filme, parece-me impossível que exista uma única alminha que não fique a roer-se de vontade de entrar no próximo avião. Pela parte que me toca, começava já por Itália. Quanto a ti, qual elegias como o teu primeiro destino de eleição?


Sinopse
Liz Gilbert (Julia Roberts) é uma mulher moderna que, após o divórcio, decide fazer uma viagem pelo Mundo, de modo a redescobrir-se a si própria. Retira-se do trabalho pelo período de um ano e entra numa zona de risco, de forma a mudar a sua vida.

Nos lugares exóticos que visita, ela vive o simples prazer de comer em Itália, sente o poder de rezar na Índia e, inesperadamente, descobre o amor em Bali. 


Podes acompanhar o Desafio de Cinema - 52 Filmes em 52 Semanas e ver os próximos temas. 

sexta-feira, 24 de março de 2017

Uma noite com... #126











Ljubomir Stanisic
Ou o homem que nos mostra o que de pior existe na Restauração em Portugal, no programa Pesadelo na Cozinha, da TVI.

Podes ver os gatos das semanas anteriores aqui.  

quinta-feira, 23 de março de 2017

Parceria - Recebidos Oriflame



Agora que a parceria com a Equipa Orineves está apresentada, é chegado o momento de te dar a conhecer todos os produtos que vieram morar para minha casa e sobre os quais tecerei comentários e opiniões, assim que tiver experimentado tudo devidamente. 

Para começar, tenho de salientar a simpatia do Joaquim Neves, sempre incansável e prestável para me aturar esclarecer todas as minhas dúvidas e solicitações. Não poderia estar mais satisfeita com outra equipa que não esta. E quando vires a caixa que recebi cá em casa, vais concordar ainda mais comigo! 


Como vês, a primeira remessa de produtos Oriflame que recebi para experimentar foi generosa e tem um pouco de tudo. No entanto, de seguida não irás ver todos os produtos que se encontram dentro da caixa. Apenas irei incluir aqui os produtos que vou experimentar durante os próximos dias. Os que ficarão em falta, serão sorteados na próxima semana e podes ser tu a ficar com eles e ficar a conhecer melhor a Oriflame. Parece-te bem? 


Por incrível que pareça, andava há imenso tempo para comprar um conjunto de pincéis minimamente decente e que não custasse os olhos da cara. Eis senão quando, o meu problema ficou resolvido com a chegada destes pincéis que serão, com toda a certeza, os meus mais recentes melhores amigos. 


Aqui temos o Sabonete Suavizante Milk & Honey Gold, que deixou um perfume delicioso que senti assim que abri a minha encomenda; um BB Lip Balm The One e uma embalagem de  Toalhitas Demovedoras de Verniz The ONE, com 26 unidades.


Por último, recebi um conjunto de produtos bem cheirosos. Um Creme Protetor de Mãos e Unhas SoftCaress e dois perfumes: o Eau de Toilette Eclat Femme e o Eau de Parfum My Destiny. Confesso que já coloquei o meu querido nariz nos dois e ainda não consegui escolher qual será o meu aroma para os próximos tempos. Resta-me ir alternando enquanto não tomo uma decisão. 

Enquanto vais preparando o coração para o passatempo que está a ser preparado para ti, podes visitar a Loja Online, espreitar o eCatálogo e, caso queiras experimentar ser Cliente VIP ou Acessor/a Oriflame, inscreve-te e ainda recebes um belo de um presente. 

Agora conta-me, qual o produto que mais te chamou a atenção? Aquele que mal podes esperar para ler a review? 
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...