expr:class='"loading" + data:blog.mobileClass'>

Subscreve a Newsletter Semanal

quarta-feira, 20 de junho de 2018

O que podes vender para ganhar dinheiro extra



Quem não quer ter mais dinheiro na carteira? Eu não conheço ninguém que negue esta vontade transversal a todo o cidadão comum. O problema surge quando queremos passar do pensamento à prática. É que o dinheiro não cresce nas árvores nem os patrões estão com vontade de distribuir aumento aos seus trabalhadores. É, de facto, uma pena mas a malta terá de encontrar formas alternativas para acumular uns trocos extra. 

É precisamente isso que procuro com este post. Encontrar sugestões, para ti e para mim, que irão permitir uma folga maior no orçamento. Seja para pagar contas mais depressa, para um objecto de desejo ou até para uma viagem muito sonhada. Todos os motivos são válidos para se desejar ter mais dinheiro e, consequentemente, mais qualidade de vida. 

Estas sugestões que se seguem podem ser encontradas em todas as casas portuguesas. Ainda que não todos os objectos, a maioria existe e encontra-se encostada a ganhar pó e a ocupar espaço útil. Contudo, o que para mim já não serve, pode muito bem ser o que outra pessoa procura. Para isso temos as plataformas, como o OLX e Custo Justo, onde podes vender as tralhas e receber umas massas em troca. Vamos então descobrir o que podes vender para ganhar dinheiro extra!

1. Roupas

Nada melhor do que começar por fazeres uma visita aos armários e retirar de lá todas as peças de roupa que já não usas e também as que já não te servem. O que estiver em bom estado ou as que nunca tenham sido usadas podem ser vendidas. As que estejam danificadas, podem sempre servir para panos de utilização variada. Cá em casa, por exemplo, são reunidos na garagem para auxiliar qualquer intervenção mecânica. Não te esqueças também de dar uma vista de olhos pelo calçado. 


2. Livros e Filmes

Agora está na hora de ver todos os livros e filmes que tens acumulado ao longo dos anos. Acredita que sei o quanto é difícil. Sobretudo no que toca a livros, tenho muita dificuldade em abrir mão deles. No entanto, ainda não tenho casa para ter uma biblioteca privada e preciso de espaço para acomodar todos os livros novos que vou comprando ou recebendo. A solução é analisar todos os títulos e fazer uma selecção. Todos os que não me agradaram são os primeiros a sair. Depois, pondero nos que tem probabilidade de voltar a ser lidos. Todos os que não me dão vontade de reler, também saem. Com os filmes o processo é exactamente o mesmo.

Não te esqueças de aprender como comprar livros ao melhor preço.


3. Quarto

Se tens um quarto a mais em casa que não é habitado por ninguém tens aí uma excelente forma de obter rendimento extra. Se vives numa zona de Universidades podes arrendar esse quarto a estudantes. A alternativa são os turistas, que cada vez se apaixonam mais pelo nosso país, e colocar esse quarto numa plataforma como o Airbnb


4. Electrodomésticos 

Outro local que merece uma boa investigação é a cozinha de nossas casas. Deves confirmar todos os electrodomésticos que tens em casa, especialmente os pequenos. Depois, verificar quais os que utilizas e quais os que são apenas objectos decorativos e que se limitam a ocupar espaço nos armários ou na bancada. Todos os que não são utilizados ou nunca foram podem e devem ser vendidos. Tal como quando trocas de electrodomésticos e o velho funciona podes colocar à venda. 


5. Antiguidades

Quando falo de antiguidades refiro-me aos objectos que herdamos ao longo da vida e que podem ser de todo o tipo. Podem ser relógios, como os da imagem, ou candeeiros a petróleo, ou ferros antigos, ou máquinas de costura manuais, ou arcas, ou panelas. Enfim, são inúmeros os objectos que aqui se enquadram e que se encontram perdidos em todas as casas. Tens duas opções: ou os restauras e aplicas como decoração da tua casa, ou vendes para quem os valorize e esteja disposto a pagar por eles. 


6. Mobiliário e peças de Decoração

Numa época em que se defende o minimalismo como nunca antes aconteceu, começamos a descobrir que temos casas cheias em demasia. Repletas de móveis e objectos decorativos. Alguns que nem sequer cumprem uma função útil. É para esses que deves olhar e perceber se faz sentido mantê-los. Caso a resposta seja negativa, podes colocá-los à venda e dar-lhes a oportunidade de ter um novo dono que lhes dê utilidade e apreço. 


7. Brinquedos

Para quem tem filhos que crescem como se não houvesse amanhã, certamente tem uma quantidade absurda de brinquedos, alguns até como novos, que pouco foram usados. Claro que, muitas vezes, os brinquedos e roupas infantis são passados às crianças mais novas da família ou aos irmãos mais novos. No entanto, se não tens mais crianças na família, podes colocar esses brinquedos, que se encontram em bom estado, à venda para que outra criança desfrute deles. 


Estes foram os produtos que me ocorreram no processo de analisar o que tenho em casa, na exacta ordem em que foram surgindo. Muitos objectos já se encontram à venda, outros tantos irão passar a estar. Já para não falar dos que, felizmente, já foram vendidos e me permitiram aumentar o orçamento.

Partilha estas sugestões e deixa o teu comentário se tens mais ideias de objectos que podem ser vendidos para ganhar dinheiro extra! 

4 comentários:

  1. Por acaso não costumo vender coisas antigas, tenho mais o hábito de dar!!

    Novo post: http://abpmartinsdreamwithme.blogspot.com/2018/06/a-minha-bencao-das-pastas.html

    Beijinhos ♥

    ResponderEliminar

Obrigada pela visita e pelo comentário. Terei todo o gosto em responder muito em breve.
*Não esquecer de marcar a caixinha para receber notificação quando a resposta ficar disponível.
Até breve!