expr:class='"loading" + data:blog.mobileClass'>

Subscreve a Newsletter Semanal

segunda-feira, 7 de maio de 2018

A Banda Sonora da Semana #7



Depois de uma versão abreviada, na semana passada, devido à pessoa estar de férias e de viagem preparada para o regresso à rotina, iremos voltar às versões regulares e devidamente fundamentadas. Ou pelo menos, assim espero. Let's begin?

Efemérides de 7 de Maio

1910 - O cometa Halley passa pela Terra.
1919 - Nasceu Eva Perón, actriz e política argentina.
1963 - Morreu Aquilino Ribeiro, escritor português.

Esta semana voltamos a reunir o Festival da Eurovisão, que se realiza em Lisboa após a vitória de Salvador Sobral, com as celebrações em Fátima da aparição aos pastorinhos. Será este um bom sinal e ditará mais uma vitória nacional? Quanto a isso só nos resta sonhar, pois só no dia 12 saberemos o veredicto final. No entanto, temos de aproveitar as críticas que nos colocam num lugar de destaque e que começam a associar, de forma mais definitiva, Portugal como um país que defende a boa música. 

É tão agradável receber este tipo de elogios, quando nunca fomos tidos em linha de conta neste festival tão antigo e onde sempre se destacou demasiado a política e relações estratégicas entre países, menosprezando a qualidade musical apresentada em palco. Portugal está na moda como nunca aconteceu antes, e parece que a música portuguesa também começa a dar nas vistas. 

No ano passado, a canção escrita por Luísa Sobral e brilhantemente defendida por Salvador Sobral, em Kiev, arrebatou-me de tal forma que teve direito a destaque em nome próprio no blog. A canção de Isaura, interpretada pela Cláudia Pascoal, também tem o seu encanto, é certo, mas não me fez ter tanta vontade para escrever sobre ela antes. Agora que estamos prestes a apresentá-la em Lisboa, apetece-me fazer figas e torcer para renovarmos o título. É que a malta habitua-se a vencer e depois já não quer outra coisa, não é? 

Posto isto, quero dizer que acredito termos mais uma canção forte e que pode alcançar um bom resultado e até a vitória. E volto a dizer que, ainda que o resultado fique aquém das expectativas, levamos à Eurovisão uma canção que não nos envergonha, que nos dignifica e representa devidamente a qualidade da música que se faz no nosso país. 

  
Deixa o teu comentário e conta-me o que pensas da música O Jardim. Iremos ganhar outra vez a Eurovisão? Ou vamos levar um valente banho de água fria? 

Sem comentários:

Obrigada pela visita e pelo comentário. Terei todo o gosto em responder muito em breve.
*Não esquecer de marcar a caixinha para receber notificação quando a resposta ficar disponível.
Até breve!