sábado, 31 de dezembro de 2016

Bom Ano Novo!



Pois é, meus amigos, mais um ano que está a dar as últimas. Como é tradição nestas alturas, anda meio mundo ainda meio atarantado com a velocidade a que passou e com a enorme culpa de não ter feito grande coisa para alcançar os seus objectivos, e o outro meio mundo ocupado com os preparativos para a grande noite. 

Como sabem desde o balanço de 2016, não me sinto totalmente satisfeita com o meu ano. No entanto, também tenho consciência que avancei alguns passos em direcção do caminho que quero para mim. Portanto, hoje a mente só pensa na noitada que me espera mais logo, junto dos amigos de sempre, e na perspectiva esperançosa que um novo ano traz. 365 dias de novas oportunidades que esperam por mim. 

Já aqui te deixei as minhas sugestões para esta Passagem de Ano e, felizmente e ao contrário do ano passado, a minha Internet tem se portado bem e tem-me permitido manter o blog actualizado e bem de saúde. Assim sendo, deixo 2016 com a sensação de dever cumprido e de ter dado o meu melhor. Também sentes o mesmo?

Já deves imaginar, mas este é um post agendado, pois que o dia de hoje está reservado para me preparar para a despedida do ano velho e para receber em grande o novo ano. Só que não podia deixar que o ano terminasse sem te desejar o melhor para 2017. 

É certo que não conheço a grande maioria de vocês, contudo tenho por cada um de vocês um enorme carinho. Por seguirem este espaço que também é vosso. Pela simpatia que recebo em cada comentário e que me alimenta por muito tempo e me dá forças quando penso se tanto esforço vale a pena. 

Por tudo isto, desejo-te o mesmo que quero para mim. Ou seja, desejo que o ano novo te brinde, a ti e à tua família, com saúde, amor e dinheiro. Que todos os teus sonhos se realizem. Que acredites nas tuas capacidades e que nunca desistas do que te faz feliz. Tudo coisas simples, como podes verificar. 

Quanto às metas para 2017 serão publicadas já no novo ano, muito em breve, porém. Agora não me apetece pensar em coisas muito sérias, porque a mente já só está concentrada na desbunda. Diverte-te nesta noite e em todas as outras noites de 2017. E já agora, nas de 2018 e 2019 e 2020 e por aí fora. 

Isto já está a ficar longo demais e eu tenho mais com que me ocupar e tu também, por isso Bom Ano Novo!!! 

Temos encontro marcado em 2017. Conto contigo? ;) 


sexta-feira, 30 de dezembro de 2016

Uma noite com... #119











Darko ou Zé Manel
Ex- Fingertips e um cantor fantástico - que bem me podia cantar ao ouvido -, a fazer sucesso no programa A Tua Cara Não Me É Estranha, da TVI.

Podem ver os gatos das semanas anteriores aqui.

quinta-feira, 29 de dezembro de 2016

O Balanço de 2016



O tempo não pára, é o que me apraz dizer agora que o ano está prestes a terminar. Estamos em contagem decrescente para o novo ano e a gastar os últimos cartuchos de 2016. O ano não foi perfeito, mas tenho de ser sincera e admitir que provavelmente já tive anos piores. 

O ano era bissexto e todos sabemos a má fama que tem anos como este, mas a verdade é que, fazendo um balanço, o saldo foi positivo. Não aconteceu tudo como desejei, nem tão pouco como imaginei que seria. Contudo, houve saúde e amor entre os que amo e quero bem. 

No que toca ao dinheiro, não me posso queixar muito. É certo que ainda não sou uma pessoa rica, permaneço apenas e só uma rica pessoa. No entanto, o saldo foi de facto positivo neste aspecto e não sofri de grandes faltas de dinheiro, nem de trabalho. As oportunidades foram surgindo e agarrei-as a todas. Mesmo as que não corresponderam às expectativas, revelaram-se importantes. Importantes por me terem aumentado a experiência, como por me terem permitido conhecer pessoas fantásticas e que espero levar comigo para a vida. 

Mas para fazer um correcto balanço de 2016, é preciso ir verificar as metas de 2016. Só verificando os objectivos que me propus concretizar, é que posso confirmar se este foi um ano produtivo ou não. Portanto, vou verificar, ponto por ponto, cada uma das metas que coloquei para 2016 e fazer um sincero balanço de 2016. 

Divertir-me muito

Este posso considerar cumprido. Claro que, no que toca a divertimento, é sempre possível fazer mais e melhor. Mas não posso ignorar os bons momentos que vivi e em que me diverti muito com os melhores amigos de todo o mundo, os meus.

Juntar dinheiro

Bem, não posso afirmar que irei entrar em 2017 a zeros. Pelo menos, não será assim a menos que me estrague agora no início dos saldos. Contudo, também não posso considerar que tenha juntado dinheiro suficiente para alimentar os meus restantes projectos. Sinto que ainda tenho um longo caminho a percorrer e acredito que este continuará a ser um objectivo no próximo ano.

Plano de Negócio

Pois sim, a intenção era muito boa mas ficou pelo caminho e este objectivo foi atropelado por outros imperativos deste ano. Não posso dizer que me tenha faltado emprego, mas faltou a estabilidade. Passei grande parte do ano à procura de algo melhor e acabei por não ter oportunidade para me dedicar a concretizar no papel o meu plano de negócio.

Apaixonar-me

Ui, mais um ao lado. Penso que não estive sequer perto disso e admito que não pensei muitas vezes no assunto. Pelo menos, não com tristeza ou com uma real necessidade disso. Vamos lá ver o que me reserva 2017...

Atingir os 200 seguidores

Este foi plenamente cumprido e ultrapassado. Não podia estar mais satisfeita com o crescimento deste meu/vosso espaço. Tenho muito que vos agradecer, bem como às marcas que colaboraram comigo durante este ano e que permitiram que este aumento fosse tão superior às minhas expectativas.

Postar entre três a cinco posts por semana

Aqui também penso que fui bem sucedida. Talvez tenha falhado numa ou noutra semana, regra geral, por culpa das falhas da minha Internet, mas penso que a média final estará dentro do objectivo que lancei no início do ano.

Aumentar a presença nas Redes Sociais

Penso que fui muito bem sucedida neste aspecto. Consegui aumentar a minha presença no Facebook do blog e a página cresceu com cada vez mais seguidores. No Twitter também não correu nada mal, e tenho postado com bastante frequência. E para terminar, agora mais no final do ano, virei as minhas atenções para a já existente página do Google+, além de ter criado um perfil no Pinterest, a minha mais recente paixão. Ufa, acho que chega, sim? 


Agora que já revi as metas do ano passado, posso afirmar que este foi um ano positivo. É certo que poderia ter sido ainda melhor, mas no campo das possibilidades o melhor é infinito. Por isso, agradeço por este ano que tantas coisas boas me trouxe e que me permitiu crescer e aprender mais e diferente. Porque mesmo as experiências negativas, ensinam-nos alguma coisa. 

E tu? Cumpriste as tuas metas de 2016? Qual o teu balanço deste ano que termina? 

quarta-feira, 28 de dezembro de 2016

Vencedores Passatempos Natal - Parte 1



Apesar de ainda existirem passatempos de Natal a decorrer, três já terminaram. E como dá imenso trabalho confirmar se cumpriram todas as entradas - o que, infelizmente, nem sempre acontece -, decidi dividir os vencedores em dois posts. Os três primeiros vencedores serão divulgados hoje, e os restantes na próxima semana.

Relembro que os prémios só serão enviados após o dia 1 de Janeiro, para não corrermos riscos nesta época em que os CTT estão um caos e os atrasos são mais que muitos, sem falar no que se perde pelo caminho. 

Quero também agradecer às entidades que aceitaram colaborar com o meu blog e ajudar-me a fazer do vosso Natal ainda mais especial. E não me posso esquecer de vos agradecer a vocês, que participaram e tornam os meus dias mais felizes. Obrigada a todos! 

Agora vamos ao que interessa. Os vencedores, claro.

Portanto, os vencedores são:

Pedro Oliveira, de Cascais

Tiago Afonso, de Alenquer

Carolina Marques, de Entroncamento

Parabéns aos vencedores e fiquem atentos à vossa caixa de e-mails, pois serão contactados para reclamarem os prémios e fornecerem os vossos dados de envio. 

E não se esqueçam de participar nos passatempos de Natal que ainda estão a decorrer aqui e aqui. 

terça-feira, 27 de dezembro de 2016

Ideias de jóias para usar na Passagem de Ano



Ainda agora terminamos as festividades do Natal, e já andamos todos preocupados com a próxima grande noite do ano, a Passagem de Ano. Pela parte que me toca, esta festa agrada-me bem mais do que o próprio Natal. Juntar os amigos e celebrar a esperança no que o novo ano tem para nos oferecer. Desejar que o ano que se segue seja melhor que o que passou ou, pelo menos, que não seja pior.

Como já vem sendo hábito, dedico-me a deixar alguma sugestões para a Passagem de Ano, como aconteceu no ano passado quando vos sugeri o que vestir aqui e aqui. No entanto, este ano, chegou-me uma sugestão bem interessante e original. Pediram-me que desse algumas ideias de jóias para usar na noite de Passagem de Ano. A princípio, fiquei desconcertada, mas depois agarrei o desafio e pus-me a pesquisar e tratei de encontrar peças bonitas para vos enfeitar na noite onde quase tudo é permitido. 

Já estão em pulgas para ver as jóias que poderão fazer-vos brilhar ainda mais nesta quadra? Não precisam esperar mais. Elas estão já a seguir, à distância de um clique, prontas para vos inspirar nesta Passagem de Ano. 


segunda-feira, 26 de dezembro de 2016

Desafio de Cinema (5/52) - Animação



Esta semana, o desafio lançado era escolher um filme de animação. Apesar de ter em consideração alguns filmes de animação recentes e de lhes achar piada e compreender o seu sucesso, nenhum me toca ou me marca, como os que assisti na infância. É algo que não sei nem quero saber explicar. É assim e ponto. Penso que consigo viver bem com isto, sem me preocupar com hipotéticos traumas psicológicos escondidos. 

Posto isto, o meu filme favorito, de todos os tempos, de animação é o Aladdin. Um filme que me fascinou na infância e que, ainda hoje, me dá muito gozo ver. Era um universo totalmente diferente do meu, muito voltado para o Oriente, na época, um desconhecido para mim. Além de incluir uma componente de aventura que tornava o filme menos lamechas e piroso, sem uma princesa clássica e aborrecida. 


Sem esquecer o quanto enriqueceu o meu imaginário, com um génio da lâmpada, pronto a satisfazer três desejos, ou um tapete voador, ideia incrível e que permitia poupar imenso tempo e dinheiro para conhecer o mundo ou ainda a possibilidade de ter um tigre como animal de estimação. Só coisas fantásticas, não é mesmo? Acredito que este filme só faz bem ao imaginário de qualquer criança e adulto também, porque imaginar é uma das coisas mais divertidas que a nossa condição de ser pensante nos oferece. 

Gosto tanto deste filme e das memórias fantásticas que guardo dele, que ainda tenho em casa o velho VHS através do qual assisti vezes sem conta a esta história encantada. E o desafio desta semana é um convite para regressarem um pouco à infância e olhar para este filme com os olhos de uma criança e deixarem-se encantar por ele, como eu, de todas as vezes que o ponho a rolar. 

Sinopse
Voa de tapete mágico numa viagem cheia de gargalhadas e diversão numa das mais espectaculares aventuras de todos os tempos! 

No coração de uma cidade encantada, um plebeu chamado Aladdin e o seu travesso macaco Abu, lutam para salvar a Princesa Jasmine dos esquemas do malvado feiticeiro Jafar. A vida de Aladdin muda completamente quando este esfrega uma lâmpada mágica e um divertido Génio aparece e lhe concede três desejos, lançando-o numa inesquecível viagem de descoberta.


Ainda te lembravas deste filme da nossa infância? Qual o teu filme favorito de animação? 

Podes acompanhar o Desafio de Cinema - 52 Filmes em 52 Semanas e ver os próximos temas. 

sábado, 24 de dezembro de 2016

Feliz Natal!



E não é que já é Natal outra vez? De facto, se há coisa que consegue sempre surpreender-me é a passagem do tempo. Ou melhor, a velocidade alucinante com que ele passa. Além das oscilações de velocidade imperceptíveis. Em Janeiro, o tempo parece que não anda. O mês parece interminável e parece que o ano começa em velocidade de cruzeiro. 

No entanto, a dada altura, que não consigo precisar quando ao certo, a coisa acelera de tal forma que, quando damos por ela, o ano já está a dar as últimas e parece que foi ontem que tudo começou e que fizemos estes mesmos comentários e considerações. Um ciclo vicioso do qual não nos conseguimos libertar.

Comparando com o Natal do ano passado, este será um Natal um pouco melhor. Pelo menos, este ano tenho trabalho e, consequentemente, mais folga financeira para comprar presentes e proporcionar um Natal melhor cá em casa. Para quem diz que o dinheiro não traz felicidade, digo que compra muita coisa que proporciona momentos felizes e que ajuda muito no caminho da busca da felicidade.

Mas deixemos as lamentações de lado, porque é Natal e ainda tenho muita coisa para fazer, especialmente no que diz respeito à preparação da consoada. Portanto, depois de tantos posts natalícios, só me resta desejar-vos um feliz Natal, junto dos que mais amam e com muita saúde, amor e sucesso. 

Soa a cliché, mas a verdade é que, havendo saúde e amor, tudo o resto se conquista nesta vida. Pode demorar, mas tudo é possível, gente. Basta acreditar e persistir. E já agora, não se esqueçam de participar nos Passatempos de Natal, pois já não têm muito tempo para se habilitarem aos prémios fantásticos que escolhi para vocês. 

Agora sim, me despeço finalmente!. Espero que desfrutem de uma rica consoada em família e com muitos presentes no sapatinho! Feliz Natal!!! 


sexta-feira, 23 de dezembro de 2016

Uma noite com... #118 - Especial Natal











Pai Natal! 
Espero que, com tantas opções, encontrem o vosso Pai Natal de eleição ;)

Podem ver os gatos das semanas anteriores aqui. 

quinta-feira, 22 de dezembro de 2016

As melhores músicas de Natal



E estamos em contagem decrescente para o Natal, meus amigos. Já não é segredo para ninguém que não ligo nada a esta época. Gosto de receber presentes, como toda a gente, mas detesto a obrigação de ter de oferecer. Prefiro, de longe, oferecer quando me dá vontade e receber sem estar à espera. Já para não falar no consumismo que se vê em tudo o que é canto comercial deste mundo. 

No entanto, este ano não me apetece nada repetir-me e voltar a dissertar sobre os imensos defeitos do Natal. Já que não é possível fugir dele, resta-me resignar-me e tentar passá-lo da melhor forma, com comida boa e na companhia da mãezinha e, no entretanto, decidi escolher aquelas que considero as melhores músicas de Natal. Porque uma boa banda sonora ajuda muito a melhorar a quadra e acompanha muito bem com as iguarias culinárias, bem como com as bebidas alcoólicas que as regam.

Posto isto, vou recorrer ao nosso muito amigo Youtube e eleger as ditas músicas e compor a nossa banda sonora para este Natal. Acompanham-me? 

Mariah Carey - All I want for Christmas is you


Frank Sinatra - Have yourself a merry little Christmas


Wham! - Last Christmas


Michael Bublé - Let it snow


Bruce Springsteen - Santa Claus is coming to town


Nat King Cole - The Christmas Song


Anjos e Susana - Nesta Noite Branca


Música de Natal da Comercial 2016

Gostaram da banda sonora para este Natal? Digam lá, são ou não são as melhores músicas de Natal??

quarta-feira, 21 de dezembro de 2016

#Livros - Casamento em Dezembro, de Anita Shreve



Sinopse
Um casamento reúne um grupo de velhos amigos num reencontro que mudará as suas vidas para sempre.
Numa estalagem no Massachusetts, sete antigos colegas de escola reúnem-se para um casamento. Nora, a dona da estalagem, teve de reinventar recentemente a sua vida após a morte do marido. Avery, que ainda consegue ouvir os ecos de um terrível acontecimento passado vinte e seis anos antes, estabeleceu-se em Toronto com a mulher e os dois filhos. Agnes, que é actualmente professora de História, permanece solteira e anseia contar um segredo que chocaria toda a gente. Bridget, mãe de um rapaz de quinze anos, concordou, apesar da incerteza quanto à sua saúde e futuro, em casar-se com Bill, um antigo namorado do liceu que reencontrou recentemente. Na verdade, é Bill que deseja ardentemente que este casamento se realize e que reúne toda a gente para um surpreendente fim-de-semana de revelações e recriminações, perdão e redenção.

Opinião
Depois de ter lido o livro de André de Oliveira, "A Peónia Vermelha", fiquei um pouco perdida e sem saber o que fazer a seguir. Apesar de ter livros novos para ler, não tinha ainda vontade de mergulhar em novas personagens e novas histórias. Por isso, acabei perdida num livro que já tenho há algum tempo e que sempre me deixa presa à sua trama. 

É incrível como, sempre que começo a ler "Casamento em Dezembro", fico tão agarrada que só consigo parar de ler na última página. Já é certo e sabido que é isto que acontece. Está tudo tão bem construído e com constantes revelações sobre os diversos núcleos e seus intervenientes que se torna impossível parar a leitura a meio. 

Este é o único livro de Anita Shreve que tive o privilégio de ler e que me deixou com muita vontade de ler mais livros desta autora. Adorei a forma como construiu a história e criou enredos paralelos. Os laços que unem as personagens são muito importantes, mas as vidas que construíram durante os vinte e seis anos que as separaram não são esquecidos nem desvalorizados, bem pelo contrário.

O casamento é apenas o ponto de partida. O motivo da reunião, passados tantos anos. Os mistérios que são desvendados ao longo da trama, alguns que sabemos antes de todos descobrirem, outros que só são revelados na hora certa. Tudo contribui para que o livro se torne impossível de largar, mesmo quando já o lemos antes.

Este, para mim, é o factor determinante para tornar um livro tão especial. Sou uma leitora compulsiva e sofro do mal da curiosidade aguda e tenho uma necessidade atroz de saber o que acontece, como termina a história. Contudo, com este livro, todas as vezes que o agarro, fico colada de tal forma que só consigo parar na última página e com uma noite sem dormir.

A única coisa de que não gostei assim tanto foi do final aberto. Esta coisa de deixar em suspenso e sem definir um final claro é algo que nunca gostei. Ainda que me desagrade o final escolhido pelo autor, como já me aconteceu, prefiro que assim seja do que ficar sem saber o que aconteceu, que decisões tomaram as personagens. Porque para deixar à minha imaginação não preciso de finais abertos. Mesmo com um final fechado e definitivo, caso não seja do meu agrado, a minha imaginação consegue alterar isso com sucesso.

Mais uma razão para que tenha curiosidade de ler mais obras desta autora, para perceber se foi um caso isolado ou se faz parte do seu estilo literário esta característica. Ainda assim, não posso deixar de recomendar vivamente este livro, porque sem contar com este pormenor do final, tudo o resto é perfeito e tenho a certeza de que irão perder-se entre as suas páginas e passar um excelente bocado na companhia de personagens tão interessantes, ricas e bem construídas.

"Reflectiu que normalmente as histórias são sobre coisas que aconteceram. A sua história pessoal era sobre coisas que não aconteceram. O que não tinha acontecido era a soma dos dias e dos anos em que ela e Jim não estiveram juntos, dos dias e dos anos que jamais poderiam ser recuperados. Pensou, no entanto, que a sua história ainda não tinha chegado ao fim. Ainda havia hipóteses em aberto. Por vezes Agnes ficava como que paralisada ante a expectativa de um destino singular que ainda se poderia materializar."

Aliás, acredito que será uma excelente leitura para este Natal, quer estejam de férias ou caso só possam desfrutar dos feriados propriamente ditos. Já leram este livro ou algum da autora? O que acharam? 

terça-feira, 20 de dezembro de 2016

O que vamos oferecer aos pais?



Já despachámos os presentes para as crianças, para as namoradas e para os namorados deste país. O que falta, perguntam vocês. Então, não está bom de ver? Os pais ou os sogros ou alguém de uma geração um pouco mais velha e que, na hora de escolher o presente perfeito, torna-se uma tarefa das mais difíceis de que há memória.

Portanto, como sou muito vossa amiga e não quero que vos falte nada, aqui estou eu para resolver todos os vossos problemas. Seguem-se algumas ideias ou sugestões para escolherem ou inspirarem-se na hora de escolher o presente, aquele presente que irá para a história dos melhores presentes alguma vez oferecidos no Natal. Pelo menos que o seja entre os vossos familiares e amigos. Preparados?



As sugestões estão aprovadas? O que vão oferecer aos vossos pais? 

segunda-feira, 19 de dezembro de 2016

Desafio de Cinema (4/52) - Vencedor do Óscar



O Desafio de Cinema desta semana pedia que escolhesse um filme que tivesse vencido o Óscar. O que, com tantos filmes fantásticos e inesquecíveis, mais uma vez, não foi tarefa fácil. Mas a verdade é que se fosse fácil não teria tanta graça, não concordam?

Portanto, depois de pesquisar pelos vencedores do Óscar de melhor filme, e após um longo período de indecisão, lá consegui chegar a uma conclusão e eleger um filme para sugerir aqui. O eleito foi o intemporal e perfeito "O Paciente Inglês". Quem consegue esquecer uma história tão misteriosa e apaixonante como esta? 

Lembro-me que só o vi passados alguns anos e após alguns adiamentos. No entanto, no momento em que assisti a este filme só me perguntava como tinha demorado tanto tempo para o ver. Deixou-me uma impressão forte e a certeza de que é preciso amar e viver os amores que temos a sorte de encontrar ao longo da vida. Porque nunca sabemos qual será o tal, aquele que estará no nosso pensamento para todo o sempre. Porque, na hora da verdade, são essas recordações que fazem com que a vida tenha valido a pena. A certeza de ter amado e sido amado e ter vivido em pleno a mais bela história de amor. 


Ainda ponderei escolher "O Paciente Inglês" para o Clássico do Cinema, porque de facto tornou-se num clássico incontornável da História do Cinema. Só que ainda faltava tanto tempo para chegarmos a essa categoria e eu estava com imensa vontade de o voltar a ver, por isso aqui está como vencedor do Óscar, totalmente merecido, tanto pelo enredo como pelos desempenhos extraordinários dos actores, que compões um verdadeiro elenco de luxo. 

Sinopse
Com queimaduras que o deixaram irreconhecível, é tratado pelos aliados americanos, desconhecedores dos terríveis segredos que envolvem o seu passado. Enquanto o mistério da sua identidade lentamente se revela, uma incrível história de paixão, intriga e aventura toma forma. Um filme de grande fulgor romântico, que conta também com os desempenhos de Kristin Scott Thomas e William Dafoe. O Paciente Inglês é um poderoso triunfo cinematográfico que vai recordar como um dos melhores filmes de sempre. 


Já conheciam o filme? Qual a vossa cena favorita? 

Podes acompanhar o Desafio de Cinema - 52 Filmes em 52 Semanas e ver os próximos temas. 

sábado, 17 de dezembro de 2016

Passatempo Natal - Chiado Editora



Está na hora de encerrar os passatempos de Natal aqui do estaminé. Mas não sem antes lançar mais um passatempo, como ontem prometi. Não vos vou fazer esperar mais e anuncio já que poderão ganhar um exemplar do livro "Per Sempre", de Diogo Canudo, em parceria com a Chiado Editora que gentilmente enviou o livro que agora pode ser teu.



Para se habilitarem só precisam de:



Algumas regras:
  • Só é permitida uma participação por pessoa.
  • Passatempo válido para Portugal Continental e Ilhas.
  • O nome do vencedor será divulgado aqui e será contactado por e-mail, ao qual terá de responder em 48 horas. Se o prémio não for reclamado nesse prazo, será realizado novo sorteio.
  • Termina em 1 de Janeiro de 2017.
  • O prémio será enviado após essa data.
Boa sorte! 

Não se esqueçam de participar nos restantes passatempos de Natal que podem encontrar aqui, aqui, aqui e aqui. 

sexta-feira, 16 de dezembro de 2016

Passatempo Natal - Quinta Essência



É com imenso gosto que vos trago mais um passatempo de Natal, que deveria ter saído ontem, mas que devido aos célebres problemas da minha Internet, só consegui publicar hoje. No entanto, posso anunciar-vos que, ao contrário do que eu pensava, este não será o último passatempo de Natal em 2016. Fiquem atentos, portanto, porque amanhã há mais.

Mas agora vamos ao que interessa, ou seja, o passatempo que hoje vos trago, onde poderão ganhar dois livros, o que significa que teremos dois vencedores. Um para cada livro. Assim, em parceria com a Quinta Essência, que gentilmente cedeu dois livros para vocês neste Natal, podem ganhar um exemplar do livro "Um Final Feliz", de Annie Darling ou um exemplar do livro "A Vingança de Lorde Eberlin", de Julia London.




Não é fantástico? Teremos dois vencedores que poderão ganhar algo que é um dos meus presentes favoritos de sempre. Na minha opinião, oferecer livros é sempre uma aposta ganha e por isso tenho a certeza que vocês irão adorar este passatempo! 

Para se habilitarem a ganhar um dos livros só precisam de:



Algumas regras:
  • Só é permitida uma participação por pessoa.
  • Passatempo válido para Portugal Continental e Ilhas.
  • O nome do vencedor será divulgado aqui e será contactado por e-mail, ao qual terá de responder em 48 horas. Se o prémio não for reclamado nesse prazo, será realizado novo sorteio.
  • Termina em 1 de Janeiro de 2017.
  • O prémio será enviado pela Editora, após essa data. 
Boa sorte! 

Não te esqueças de participar nos passatempo de Natal anteriores, aquiaqui e aqui. 

terça-feira, 13 de dezembro de 2016

O que vamos oferecer à namorada?



Depois de falarmos em presentes para as crianças e para os namorados deste país, é chegada a hora de pensar na mulherada, que nem sempre é uma tarefa tão fácil como se pensa à primeira vista.

Até já consigo imaginar os homens deste país, descontraídos e a pensar nas coisas boas que irão comer neste Natal. A pensar naquele presente que estão à espera de receber e a tentar adivinhar quem irá acertar em cheio. Até que chegam à conclusão que só as suas mulheres têm a capacidade para os conhecer tão bem. E será precisamente neste momento que irão perceber que têm uma tarefa de Hércules entre mãos. O que vão oferecer à namorada? 

Quem diz namorada, diz mulher, companheira. Enfim, como lhes queiram chamar. Aqui o importante é acertar, por uma vez que seja, e fazer as vossas mulheres mais felizes neste Natal. Quem quer ideias? Quem precisa urgentemente de sugestões? Podem ver já a seguir alguns presentes perfeitos para oferecer às vossas namoradas! 



Gostaram das sugestões de presentes para as namoradas? Já compraram esses presentes? O que vão oferecer às mulheres da vossa vida?

segunda-feira, 12 de dezembro de 2016

Desafio de Cinema (3/52) - Preto e Branco



Esta semana, no Desafio de Cinema, a proposta era escolher um filme a preto e branco. Confesso que pensei muito e tive muita dificuldade em lembrar-me do filme certo para colocar nesta categoria. É que, na actualidade, estamos tão habituados a filmes cheios de cor e movimento e efeitos especiais que fica difícil captar o interesse das pessoas para filmes mais antigos, onde esse tipo de coisas não está presente. 

Portanto, percebi que teria de ser um filme tão bom, com uma história tão especial, que ninguém sentiria a falta dos toques do cinema moderno. E assim, ficou muito mais fácil. Só poderia ser um clássico do cinema. Daí a escolher "Casablanca", foi um salto. Um filme passado durante a Segunda Guerra Mundial, numa época onde já se faziam filmes a cores, ainda a preto e branco, com uma história que nos prende ao ecrã até ao último momento, uma banda sonora inesquecível e um leque de actores dos melhores que Hollywood já nos trouxe. 

A história de amor de Ilsa e Rick prende-nos para sempre às dúvidas sobre se o maior acto de amor é ficar com a pessoa amada ou deixá-la ir e cumprir o seu destino. Sem esquecer as tiradas humorísticas fantásticas que se encontram ao longo de todo o filme. Muito importante é também se perceber o clima que se vivia em Casablanca, a cidade que acolhia muitos dos que fugiam do regime de Hitler e que procuravam uma saída para a América e para a liberdade. 

Este filme foi tão marcante e é tão intemporal, que existem frases do filme que utilizamos até aos dias de hoje. Quem não conhece a célebre "We'll always have Paris"? Não deixem de ver porque vale mesmo a pena e se precisam de mais razões para assistir a "Casablanca", vejam o trailer e apaixonem-se por esta história como me aconteceu. 


Sinopse
Casablanca: fácil de entrar, muito mais difícil de sair, especialmente se o seu nome estiver na lista Nazi dos mais procurados. No topo dessa lista está o líder da Resistência Checa, Victor Laszlo, cuja única esperança é Rick Baine, um cínico americano que não arrisca o pescoço por ninguém... especialmente pela mulher de Victor, Ilsa, a sua ex-amante. Ele terá de decidir o que é mais importante: a sua felicidade ou as inúmeras pessoas que esperam por uma saída do país. 


Podes acompanhar o Desafio de Cinema - 52 Filmes em 52 Semanas e ver os próximos temas. 

quinta-feira, 8 de dezembro de 2016

Passatempo Natal - Retro Attic



Mais uma semana, mais um passatempo. Pois é, minha gente, o Natal aproxima-se a passos largos e eu não em canso de pensar em vocês. Portanto, venho anunciar o terceiro passatempo de Natal desta temporada. 

Esta semana, terão a oportunidade de ganhar um Colar Lucky Star Jar Luminus Azul. Trata-se de um colar com três estrelas azuis, que brilham no escuro e fiquei super apaixonada por estes colares, que existem noutras cores. O prémio foi gentilmente cedido pela loja Retro Attic, que conheci através do Facebook, e que me deixou colada por imenso tempo, perdida entre as inúmeras coisas giras que por lá se vendem.


Para se habilitarem a ganhar, só precisam de:




Algumas regras:
  • Só é permitida uma participação por pessoa.
  • Passatempo válido para Portugal Continental e Ilhas.
  • O nome do vencedor será divulgado aqui e será contactado por e-mail, ao qual terá de responder em 48 horas. Se o prémio não for reclamado nesse prazo, será realizado novo sorteio. 
  • Termina em 26 de Dezembro.
  • O prémio será enviado pela loja após o dia 1 de Janeiro. 
Boa sorte! 

E não se esqueçam de participar no primeiro e no segundo passatempo de Natal! 

terça-feira, 6 de dezembro de 2016

O que vamos oferecer ao namorado?



Depois de vos ter ajudado na questão importante dos presentes para as crianças, venho deixar algumas sugestões essenciais para a felicidade conjugal. Ou seja, venho prestar auxílio na escolha do presente perfeito para o vosso homem.

Se forem como eu, é sempre uma dificuldade escolher um presente para um homem, seja ele qual for. Claro que o facto de ser o homem do vosso coração deve facilitar a tarefa, ou assim espero. Mas se, ainda assim, estão sem inspiração e não sabem o que dar ao namorado que vos rouba sorrisos, eu cá estou com mais ideia fantásticas para resolver todos os vossos problemas. 



Gostaram das sugestões de presentes para os namorados deste mundo? O que vão oferecer aos meninos no Natal?

segunda-feira, 5 de dezembro de 2016

Desafio de Cinema - (2/52) Inspirador



O desafio continua lançado e vamos para o segundo tema. Para quem não sabe, a ideia é semanalmente assistir a um filme seguindo uma série de temas, que podem encontrar aqui. Assim sendo, o tema proposto para esta segunda semana era escolher um filme inspirador.

Admito que não foi tarefa fácil. Até porque acredito que, tal como todas as formas de Arte, o Cinema tem sempre a capacidade de nos inspirar de alguma forma. No entanto, o primeiro filme que me veio à mente quando pensei no assunto foi o "Clube dos Poetas Mortos" e por muito que tenha pensado noutros, nenhum tem a capacidade de o substituir.

Defendo que este filme deveria ser mostrado a todos os adolescentes a dada altura. É intemporal e tem uma dos meus actores favoritos de todo o sempre, Robin Williams. A sua mensagem marcou-me profundamente e acredito que toda uma geração guarda as melhores recordações deste filme. Inspira-nos a seguir os nossos sonhos. A não desistir perante as adversidades. A reconhecer que todos temos talentos escondidos por trás de todas as inseguranças e que só depende de nós ter a força para os descobrir e fazer florir.

Foi um enorme prazer rever este filme, que se encaixa neste tema como se ele tivesse sido feito para ele, e penso honestamente que todos que já o viram ficarão com vontade de o rever. E os que ainda não viram - como é possível?? -, tratem disso rapidamente e aprendam uma das melhores lições do mundo do Cinema.


Sinopse
Quando o carismático John Keating (o vencedor do Óscar, Robin Williams) é admitido como novo professor de Inglês num colégio particular para rapazes, os seus métodos de ensino pouco convencionais irão revolucionar as tradicionais práticas curriculares.

Com o seu talento e sabedoria, Keating inspira os seus alunos a perseguir as suas paixões individuais e tornar as suas vidas extraordinárias. "Clube dos Poetas Mortos", um dos mais brilhantes sucessos de bilheteira da história recente do cinema, arrebatou audiências e crítica em todo o mundo com as suas brilhantes actuações, cativante história e soberba realização.


Podes acompanhar o Desafio de Cinema - 52 Filmes em 52 Semanas e ver os próximos temas. 

quinta-feira, 1 de dezembro de 2016

Passatempo Natal - Edições Vieira da Silva



Já estavam com saudades dos passatempos, não é verdade? Sim, eu sei. Mas como eu vos leio os pensamentos e não quero que vos falte nada, venho anunciar o segundo passatempo de Natal. Desta vez, estará a concurso um livro, gentilmente cedido pela Edições Vieira da Silva, porque no meu entender livros serão sempre presentes fantásticos para oferecer, seja a quem for. Quero também deixar os meus sinceros agradecimentos à Editora por ter colaborado para que este passatempo seja mais um sucesso.



Como estava a dizer, o prémio que um vencedor poderá receber no conforto do seu lar, será um exemplar do livro "Temos Vaga para Patrão", de Elias Santana. Como sabem, isto do empreendedorismo é algo que desperta muito o meu interesse e acho que poderá ser uma leitura interessante para um sortudo. 

Para se habilitarem a este prémio precisam de:



Algumas regras:
  • Só é permitida uma participação por pessoa.
  • Passatempo válido para Portugal Continental e Ilhas.
  • O nome do vencedor será divulgado aqui e será contactado por e-mail, ao qual terá de responder em 48 horas. Se o prémio não for reclamado nesse prazo, será realizado novo sorteio.
  • Termina em 25 de Dezembro.
  • O prémio será enviado após o dia 1 de Janeiro. 
Boa sorte! 

E não se esqueçam de participar no primeiro passatempo de Natal
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...