sexta-feira, 30 de agosto de 2013

Perdão


Estou, de forma oficial e formal, a pedir desculpas a todos que por aqui têm passado e sentido a minha ausência.
Estes últimos dias têm sido um caos, como já devem imaginar pelos últimos posts.
Amanhã é o meu último dia de trabalho e também será dia de receber. (uffa, finalmente!)
Amanhã será também reservado para jantar com os amigos do coração - e esperar que a louca da melhor amiga não se tenha lembrado de fazer uma despedida, coisa que não suporto.
Depois os restantes dias que sobram - que já serão poucos - serão ocupados a arrumar a restante tralha e afins e constatar o quanto de espaço me vai faltar para levar tudo o que me apetece.
Para, por fim, dizer efectivamente adeus a esta terra. Não será assim um adeus daqueles dramáticos, de quem não pensa voltar. Pelo contrário, com as profundas raízes que me ligam a este lugar, será com certeza um até já. Mas não deixa de ser um fim de um ciclo. E, claro, o início de um outro. Novo. Renovado. Com novos projectos e novas perspectivas. E novas pessoas.
Agora vou ali descansar um bocado para ganhar forças para estas emoções todas que me esperam.
Até amanhã, meus amores!

quarta-feira, 28 de agosto de 2013

Que fique escrito


Mudar de casa é coisa para dar cabo de uma pessoa.
Entre arrumar as tralhas para levar, deixar a casa com um mínimo de bom aspecto, preparar à distância a chegada à nova morada, recolher a documentação necessária para apresentar no curso, rescindir, renovar e transferir contractos, alterar moradas e informar as pessoas da iminente partida - de certeza que me esqueci de alguma coisa - ainda tenho de trabalhar e socializar e ir despedindo aos poucos das pessoas e dos lugares e, claro, descansar alguma coisa.

Se isto não der comigo em doida, não sei o que dará.

segunda-feira, 26 de agosto de 2013

Ter 15 anos outra vez


Por vezes dou por mim a pensar que me sinto uma adolescente a lançar-se de olhos quase fechados para uma piscina. Sem saber se terei água à minha espera ou apenas o fundo da piscina onde aterrarei.

Com 15 anos cheguei a esta terriola. Na época, ia iniciar o ano lectivo numa escola onde não conhecia ninguém. Os poucos amigos de infância eram mais novos e frequentavam uma escola que não era secundária. Assim aterrei na sala de aula no primeiro dia. É verdade que tive a vida facilitada pelo facto de ser recém chegada da capital. No ido ano de 2001 havia colegas que nunca tinham entrado num shopping. Que nunca tinham provado um hambúrguer da McDonald's. Que desconheciam as Bershkas, Stradivarius e Zaras deste mundo. Para mim eram conceitos básicos, para eles era todo um mundo por conhecer.
O que é certo é que era quase uma atracção da escola. Assim que tocou para o intervalo fui apresentada a metade da escola. Todos me queriam dar a conhecer aos amigos. Integrar a lisboeta no seu grupo.
Confesso que teve a sua piada inicial. Mas assim que encontrei as pessoas certas, escolhi o núcleo duro que me acompanharia durante os anos que por lá andei.

Hoje, com 27 anos, preparo-me para voltar ao estudo. Completar o 12º ano com uma vertente profissional como eu queria. Mas, para isso, mais uma vez, irei entrar numa escola onde não conheço ninguém. Sem amigos, conhecidos ou pontos de referência. Nem sequer conheço minimamente a cidade onde fica.
Será mais uma aventura, agora sem a vantagem que me conferiu a capital há 12 anos atrás. Um tiro no escuro. Com adultos, que conseguem ser bem piores que adolescentes.

O frio na barriga acompanha-me desde que tomei esta decisão. É o temor e a preocupação de quem não sabe se tomou a decisão certa. De quem não sabe se era este o momento apropriado.
As incertezas são mais que muitas mas, por outro lado, dão-me a sensação de que estou viva. Porque arriscar com 15 anos não é assim tão difícil. Nessa fase achamos que somos os donos do mundo e que tudo nos é permitido. Tudo nos é devido. O universo tem a obrigação de conspirar a nosso favor.
Na idade adulta é bem mais difícil cortar as amarras e seguir rumo ao desconhecido. Até porque as raízes estão mais fortes e profundas. E a vida já nos ensinou que não basta a nossa força de vontade para alcançar os nossos sonhos. Ensinou também que o universo, tantas vezes, conspira contra nós.

Isto para dizer que me sinto com 15 anos e que a contagem decrescente para a despedida já começou.
E logo eu que detesto despedidas. Essa talvez seja a parte mais dolorosa desta nova fase. Talvez não. É sem margem para dúvidas. O mais difícil de tudo o que me espera.

domingo, 25 de agosto de 2013

Os meus novos amigos


Ontem, enquanto passeava, deparei-me com os meus novos amigos. Foi uma empatia imediata. Ao primeiro olhar. Sem margem para dúvidas. E depois de lhes tocar, ficou comprovada a nossa ligação. Assim que encaixamos de forma perfeita, o amor falou mais alto e trouxe-os comigo para minha casa.
A minha mãe bem resmungou. Deu todos os motivos e mais algum para os mandar embora. Mas não consegui. Simplesmente não fui capaz.
Vocês seriam?


Digam lá se não são lindos de morrer?
Para as interessadas, vieram da Pull & Bear pela módica quantia de 9.90€.
Para as cinderelas deste país aproveitem porque ainda havia pares 36.

sábado, 24 de agosto de 2013

Roupas e malas


Com uma única excepção.
Quando se tem de empacotar tudo e meter dentro de um carro.
Nessa altura, pensamos que TALVEZ existam coisas a mais no nosso armário.
Mas é um pensamento momentâneo e que passa assim que nos ocorre que afinal o problema é a falta de malas e sacos de viagem que temos.
Quando chegar a hora de enfiar tudo no carro, logo se procura outra desculpa.

sexta-feira, 23 de agosto de 2013

Lisboa menina e moça


Não ficarei em ti, mas terei vista privilegiada.
Dentro de dias estarei mais perto.
E mais longe de uma terra que me deu tantas coisas boas.
Espero que superes o passado e me tragas um futuro mais risonho.
Que as saudades já apertam e ainda nem parti.
Isto de ser-se português é tramado... 

quarta-feira, 21 de agosto de 2013

Adivinhem lá


Quem vai ser a pessoa fantástica e intragável que será promovido no meu local de trabalho?
A pessoa que ficará responsável na ausência do patrão?
A quem teremos de reportar os problemas e ouvir as reclamações?

Pois é, essa mesma...
E isso foi só o empurrãozinho que faltava para me pôr a andar assim que possa.
Provavelmente em Setembro já estou de malas aviadas.
Só é preciso que cheguem boas notícias amanhã.
Portanto, meus amores, é torcer por mim, ok?

Povo da Margem Sul


Será que desse lado do ecrã terei gente de terras a sul do Tejo??
Não estranhem a pergunta. Eu explico.

A minha ligação com Lisboa é antiga e eterna, a meu ver.
O desejo de voltar a essas paragens tem crescido no decorrer deste ano.
Sempre com espasmos de medo. Medo do que vou encontrar. E, principalmente, medo pelo que deixo aqui. Pelos amigos. Pelas pessoas que me vão fazer imensa falta. Medo de as perder. De não ser capaz de lutar contra o afastamento natural das vidas que seguem o seu curso em direcções opostas. Com tantos quilómetros a separarem.

Com este novo emprego e com a ausência de noticias do Sul, deixei as minhas raízes permanecerem firmes por estas paragens a Norte e esqueci um pouco os medos, as dúvidas, as vontades.
No entanto, o mar de rosas durou pouco e aquela pedra no sapato - também conhecida como colega de trabalho armado em esperto - voltou a dar um ar de sua graça. E de tal forma que torna a convivência quase impossível. E com um patrão que não impõe ordem na casa, cada vez mais este emprego de sonho se transforma num enorme pesadelo.

Sendo assim, e como por artes mágicas, surge agora a possibilidade de antecipar bastante a partida rumo ao desconhecido.
O desconhecido encontra-se perto. Mas não é Lisboa ainda.

Portanto, é possível que esta vossa amiga, em breve, passe a ser de novo uma moura em terras de mouros.
E será que, por mero acaso da sorte, terei alguém por essas paragens para me dar as boas vindas?

Era tão bom que assim fosse que até já me encontro a fazer figas para dar sorte!

segunda-feira, 19 de agosto de 2013

Beijar e beijar e beijar


Eu até sei que o tema não é nada de novo. Pelo contrário, está mais batido que muitas meninas de boa (má?) vida que andam por aí.
Mas, depois deste fim de semana, não consigo fugir ao assunto.
Beijar é das melhores coisas que o ser humano já inventou!
É intimo e ao mesmo tempo parece casual.
Pode ser tudo o que se queira.
Doce. Apaixonado. Suave. Intenso. Curto. Longo. Quente. Frio.
A imaginação é o limite.
E, a melhor - ou pior - parte, num beijo dizemos coisas que escondemos. As palavras que calamos. Os sentimentos que disfarçamos. Os desejos e vontades que nos envergonham.

E, meus amigos e minhas amigas, quando um homem sabe beijar... Mas quando sabe beijar de uma forma que até nos deixa as pernas bambas, é um pecado negar-lhe um beijo.

Assim foi este fim de semana. E, apesar das dúvidas e dos pensamentos retorcidos que me assolam desde então, soube-me pela vida!

As opiniões são bem vindas, como já sabem. ;)

domingo, 18 de agosto de 2013

New Look Verão 2013


O prometido é devido e eu não sou de falhar nas minhas promessas!
Assim sendo, está na hora de vos revelar o resultado da tão falada experiência com as Madeixas Californianas. A viagem começou aqui, e apesar do atraso a que o novo trabalho me obrigou, estive sempre ansiosa por dar início à parte prática da coisa.

As fotos foram caseiras mas tiradas com muito boa vontade. Porque se para aplicar este kit da L'Oréal não precisamos de ajuda, já para as fotos recorri à ajuda da máquina e do bom coração de uma grande amiga.

Aqui está o antes:



Devo dizer que o kit de madeixas californianas é das coisas mais fáceis de utilizar.
Muito simples de misturar e com a escova torna-se perfeitamente intuitivo na prática.



O tempo de pose aconselhado variava entre os 25 e os 50 minutos.
No meu caso, passados 25 minutos estava já mais que bom.
Queria um efeito discreto, e por isso não queria descolorar demasiado.
Uma coisa com ar natural, até porque o meu cabelo não é propriamente muito claro e não gostava de ter um contraste muito exagerado.

Posto isto, o resultado foi este:



Aqui deixo o meu agradecimento à trnd Portugal por me terem dado a oportunidade de participar nesta fantástica campanha.
Para quem ainda não se inscreveu, não hesitem. Novas e interessantes campanhas estão sempre a surgir e um dia serão vocês as seleccionadas. Inscrições aqui.

Agora, quero as vossas opiniões! Digam de vossa justiça ;)

Passatempos, poupanças & crónicas



Aqui vos deixo a melhor amiga de todas as mulheres (e não só!).
Se andam à procura de dicas para a vossa vida doméstica ou/e de oportunidades imperdíveis para participar nos melhores passatempos, não podem perder este fantástico blog.
Tem lá tudo o que podem imaginar. E um bocadinho mais até.
Corram, vá. Não percam tempo, porque vale mesmo a pena cada minuto lá passado!

sábado, 17 de agosto de 2013

É pra curtir!


Esta uma das vantagens de ser mulher. Não é preciso dinheiro para ir curtir, ver gente gira e dar um pezinho de dança. As benditas noites da mulher ou apenas as entradas sem consumo para elas são mais que muitas e o difícil é escolher.

Portanto, hoje, apesar de falida, vou para a noite. Abanar o esqueleto e esquecer os problemas por umas horas.

Amanhã prometo publicar as fotos do meu novo visual - já pensavam que me tinha esquecido, não é?
Have fun!
Fui*

Ó Moisés...



Eu sei que estamos a falar do Pedro Teixeira, mas é impossível dissocia-lo do seu brilhante Moisés.
Não só pela personagem marcante que tão bem criou nestes últimos meses em Destinos Cruzados e que nos fez olhar com mais atenção para esta novela. Para mim, sobretudo, porque me fez conhecer um novo Pedro.
 
É que eu lembrava-me dele do tempo dos Morangos. Quando a esperta da Cláudia percebeu ali o potencial do menino e o fisgou tão bem fisgado. Está certo que ele sempre foi bonitinho. Mas não era homem que me fizesse virar o pescoço. Hoje é. E descobri isso no momento em que o Moisés ficou, pela primeira vez, em tronco nu.

O puto que eu me lembrava cresceu. E ficou um pão, ai, ai.
E vê-lo dançar um Passo Doble com tanta masculinidade como caracteriza esta dança e com o bónus extra de o ver em tronco nu. Ainda por cima, agora sem bigode. Querem melhor??

Pois, melhor não pode ser que aqui o gato ainda é casado e bem casado, ao que se pode ver.
Portanto, resta consolar as vistas aqui com o vídeo em cima. ;)

sexta-feira, 16 de agosto de 2013

100 perguntas que ninguém faz


Mais um desafio roubado à Jovem Atrapalhada, para não fugir à regra.
Vamos a ele!

1. Dormes com as portas do teu armário abertas ou fechadas?
Fechadas.

2. Ficas com os champôs e amaciadores dos hotéis?
Sim. Tenho alguns em casa.

3. Dormes com o teu edredon dobrado para dentro ou para fora?
Para fora.

4. Já roubaste uma placa de rua?
Eu não, mas tenho amigos que já e que inclusive têm a dita no quarto.

5. Gostas de usar post-it?
Gosto de usar, mas não sou obcecada com a coisa.

6. Cortas cupões, mas depois nunca usas?
Corto tudo. Alguns, aqueles que acho que compensa, utilizo. Outros de facto nunca chego a utilizar.

7. Preferes ser atacado por um urso ou por um enxame de abelhas?
Preferir, preferir, prefiro NÃO ser atacada! Agora, a ter de escolher, por um urso.

8. Tens sardas?
Não. Muitos sinais tenho, agora sardas não.

9. Sorris sempre para as fotos?
Nem sempre. A tendência não é sorrir. A não ser que tenha, efectivamente, algum motivo para tal. Mas acabo por fazer um esforço para esboçar um sorriso para não ficar sempre com cara de má. lol

10. Qual é a tua maior neura?
Ai, elas são tantas que nem sei. Mas acho que a pior é acordar de manhã. Ninguém me atura. Nem eu própria.

11. Contas os teus passos enquanto andas?
Claro que não. E caso quisesse contar, existem uns aparelhos que fazem isso mesmo.

12. Já fizeste xixi na floresta?
No way.

13. E quanto a fazer coco na floresta?
Tá a falar sério? Nada disso!

14. Danças mesmo sem música?
Às vezes, mas prefiro de longe COM música.

15. Mastigas as tuas canetas e lápis?
Passei por essa fase, mas actualmente já perdi esse vicio.

16. Com quantas pessoas já dormiste esta semana?
A minha cadela conta?

17. Qual é o tamanho da tua cama?
200x160. Acho, mas não tenho a certeza neste momento.

18. Qual é a música da semana?
Parece-me que o novo hit do Carlos (mais um ex concorrente da Casa dos Segredos) está a tornar-se a música da semana. Pela negativa, claro. E com os sinceros votos para que passe depressa.

19. O que achas de homens que usam rosa?
Depende do homem e da forma como se usa o dito rosa. Pode ficar abichanado, mas também pode ficar charmoso.

20. Assistes a desenhos animados?
Por falta de tempo, nem por isso.

21. Qual é o filme que menos gostas?
Mas vocês acham mesmo que guardo na memória filmes que não gostei?? Só cá ficam os bons!

22. Onde enterrarias um tesouro?
Quando encontrar um, eu conto-vos :p

23. O que bebes com o jantar?
Hoje foi Fanta de laranja. Ontem vinho verde. Em casa, regra geral, sumos. Em jantaradas, um bom vinho.

24. No que mergulhas um nugget de frango?
Molho de alho ou maionese.

25. Qual é a tua comida favorita?
Bacalhau com natas. Massas italianas. Hummm... já estou com fome outra vez...

26. Que filmes vês sem nunca te cansares?
Dirty Dancing. Notebook.

27. Quem foi a última pessoa que te beijou?
Foi o N., um beijo roubado. lol

28. Alguma vez foste escuteiro(a)?
Nunca! Mas tive um ex namorado que era e tentou muito convencer-me a entrar nessa. Mas nunca achei muita graça àqueles uniformes lol

29. Posarias nua para uma revista?
I don't think so...

30. Quando foi a última vez que escreveste uma carta para alguém no papel?
Há muitos anos para uma grande amiga. Mas em breve voltarei a escrever ;)

31. Consegues trocar o óleo de um carro?
Achas mesmo? Na teoria automóvel ainda dou uns toques, na prática sou zero.

32. Já foste multada?
Pois já. Multa de estacionamento.

33. Alguma vez ficaste sem gasolina?
Já e com dinheiro que é o cúmulo!

34. Tipo favorito de sanduiche...
Qualquer uma que leve queijo.

35. A melhor coisa para comer no café da manhã?
Um pequeno almoço britânico.

36. Qual é a tua hora de dormir?
Tardia sempre. Tenho extrema dificuldade em adormecer cedo. Por isso é sempre depois das 2h da matina.

37. És preguiçosa?
Tantoooooo.... que até tenho remorsos por isso. Mas continuo em luta para combater este pecado.

38. Quando eras criança, o que vestias no Dia das Bruxas?
Acho que nessa altura não me mascarava nesse dia, só no Carnaval.

39. Qual é o teu signo astrológico chinês?
Acho que é Tigre.

40. Quantos idiomas tu falas?
Português e inglês. Percebo umas coisas de francês (que detesto!) e de alemão.

41. Assinas alguma revista?
Nenhuma. Compro só quando me apetece.

42. Quais são melhores: Lego ou Logs Lincoln?
Desconhecia os segundos, muito embora, agora que vi o que são, sei que também tive umas coisas dessas. Mas os lego ganham.

43. És teimoso(a)?
Demasiado...

44. Quem é melhor: Teresa Guilherme ou Júlia Pinheiro?
Teresa Guilherme de longe.

45. Já assististe a alguma novela?
Muitas mesmo. Mas no tempo em que as novelas da Globo eram inesquecíveis. E também na época em que tinha tempo de sobra para isso.

46. Tens medo de alturas?
Nem por isso.

47. Cantas no carro?
Só com a música muito alta.

48. Cantas no chuveiro?
Nãoooooo lol

49. Danças no carro?
Tantas vezes... Coreografias e tudo! Depois de uma directa, não há melhor para manter a malta acordada.

50. Alguma vez usaste uma arma?
Nunca.

51. A última vez que tiraste um retrato no fotógrafo?
Há muito, muito tempo. Para tirar o BI.

52. Gostas de musicais?
Quando bem feitos, gosto muito.

53. O Natal é stressante?
Não, apenas irritante.

54. Já comeste Pierogi?
Nunca tinha ouvido falar em tal coisinha! Nunca comi.

55. Tipo favorito de torta...
De morango. E de chocolate. E de baunilha.

56. O que querias ser em criança?
Passei pela fase de querer ser advogada. Depois professora de História. Mas a verdadeira, era Jornalista.

57. Acreditas em fantasmas?
Sinceramente, sou muito céptica nessas coisas. Não acredito muito.

58. Já tiveste um momento de Déjà-vu?
Quem não teve??

59. Tomas vitaminas diárias?
Não. Sou muito avessa a tomar comprimidos.

60. Usas chinelos?
Sim, sempre que possível.

61. Usas roupão de banho?
Não.

62. O que usas para dormir?
Por esta altura e com tanto calor, quanto menos melhor. Mas sempre decente! :p

63. Primeiro concerto?
Há muitos e longos anos. Dealema.

64. NorteShopping, Via Catarina ou Mar Shopping?
NorteShopping.

65. Nike ou Adidas?
Nike.

66. Cheetos ou Fritos?
Não podem ser os dois??

67. Os amendoins ou sementes de girassol?
Amendoins, claro.

68. Já ouviste falar do grupo de Tres Bien?
Isso é....???

69. Já tiveste aulas de dança?
Sim, tive aulas no 9º ano. A professora de Educação Física formou um grupo e dava-nos aulas uma vez por semana. Fizemos uma coreografia e andámos a participar em concursos com outras escolas.

70. Existe uma profissão que te imagines a ter futuro?
Excêntrica. A.K.A. Vencedora do euromilhões!

71. Consegues enrolar a tua língua?
Consigo.

72. Já ganhaste algum concurso?
Poucos, mas já.

73. Já choraste de felicidade?
Que me lembre não. Não sou muito dada a choros, principalmente em público.

74. Possuis algum disco de vinil?
Uma caixa cheia deles.

75. E uma viola?
Infelizmente não! Estou há anos para encontrar alguém que me ensine!
Mas tenho um órgão, serve?

76. Utilizas incenso regularmente?
Sempre não porque me enjoa.

77. Já te apaixonaste?
Claro...

78. Que concerto gostavas de ver?
Tantos que nem sei por onde começar.

79. Qual foi o último concerto que viste?
Provavelmente, Quim Barreiros em alguma festarola.

80. Chá quente ou chá frio?
Ou quente ou frio. Morno é que não.

81. Chá ou café?
Café.

82. Açúcar ou adoçante?
Açúcar.

83. Sabes nadar bem?
Nem bem nem mal. Não sei mesmo.

84. Consegues prender a respiração sem tapar o nariz?
Sim...

85. És paciente?
Nem por isso, antes pelo contrário.

86. DJ ou banda num casamento?
DJ.

87. Já ganhaste algum prémio?
Ver resposta à pergunta 72.

88. Já fizeste alguma cirurgia plástica?
Nem plástica nem das outras. lol

89. Quais são as melhores azeitonas, pretas ou verdes?
Nem umas nem outras. Não gosto de azeitonas.

90. Fazes tricô ou croché?
Só ponto cruz e não sou brilhante.

91. O melhor lugar para uma lareira...
Tenho duas em casa. Na sala e na cozinha. Mas a favorita é na sala!

92. Já viajaste para fora do país?
Sim, para a Alemanha, para França e uns toques em Espanha.

93. Que lugares pretendes conhecer?
O mundo inteiro. Mas para começar podia ser Nova Iorque, México, Egipto, Itália, Londres...

94. Qual era a tua matéria preferida no Ensino Secundário?
Português.

95. Esperneias até conseguires as coisas do teu jeito?
Espernear não. Mas que não desisto, lá isso não.

96. Tens filhos?
Até ao momento, não.

97. Queres ter filhos?
Ainda não sei. Quando souber a resposta a isso falamos.

98. Qual é a tua cor favorita?
Preto!

99. Sentes falta de alguma coisa da tua infância?
Quem não sente falta dessa época? Zero preocupações. Zero responsabilidades. Era só curtir e a malta nem dava por isso.

100. Se encontrasses o génio da lâmpada, qual seria o teu pedido?
Que não faltasse amor a ninguém neste mundo. Acho que, desta forma, se resolveriam muitos dos males deste mundo.

Uffa, isto demorou! Agora são vocês! Vá, não sejam mariquinhas e lancem-se ao desafio! Não custa nada e sabe muito bem ;)

quinta-feira, 15 de agosto de 2013

Selo Blog Amigo



Devo dizer que a minha auto estima está a tocar no céu. Nunca fui tão mimada, como tenho sido ultimamente. Tanto pelas leitoras fiéis, como pelas que acabaram de chegar e mostram o seu apreço.
Mas, em especial, pela querida Jovem Atrapalhada. Que não se farta de ser um doce e de me dar bombons como este selo lindo de morrer. Isto no âmbito do programa Blog Amigo que ela instituiu no cantinho dela e no qual eu tive a honra de estrear.

Quanto aos elogios eu aceito e agradeço. Porque de facto o objectivo maior é manter a sinceridade deste espaço. A inteligência é uma característica que não escondo nem mascaro atrás de nenhuma falsa modéstia. Não me considero mais que ninguém, mas não posso dizer que não me considero inteligente. Quanto a ser amigo, é verdade, mas só para os que mostram merecer essa amizade. Como é o teu caso, minha querida.

Espero que gostem do meu selo novo. Eu adorei!
E, caso ainda não conheçam, vão lá espreitar o blog. É tão bom que vicia! ;)

Marisco em Aveiro


Hoje é dia de folga - bem dito feriado! - mas ontem a noite foi de borga.
Depois de cumprirmos o objectivo para estes três dias, fomos para Aveiro comer marisco por conta do patrão. Apesar de não ser uma amante destas iguarias, daquelas que matam por um petisco destes, soube muito bem. O camarão estava delicioso e a sapateira de chorar por mais. Já para não falar no verde que acompanhou a refeição.


Agora o patrão vai de férias, os comerciais só regressam na 2ª feira e nós, promotoras, amanhã vamos trabalhar para garantir o trabalho para a semana que está para começar.
Apesar disso, a folga de hoje está a saber do melhor. Relaxar é a palavra de ordem!

quarta-feira, 14 de agosto de 2013

Culpada ou Inocente


Este desafio é a minha cara, devo dizer. Faz-me lembrar um verdade ou consequência, mas só de verdades. Mais uma vez, vem através da tão falada Jovem Atrapalhada, a maior desafiadora da blogosfera (pelo menos, não conheço outra assim)! ;)
Vamos lá ao que interessa:

Regra 1: Só podes escrever CULPADA (sim) ou INOCENTE (não).
Regra 2: Não é permitido explicar nada, apenas se alguém perguntar.
 
Já pediste a alguém que se case contigo? Inocente
Já beijaste algum dos teus amigos do Facebook? Culpada
Dançaste alguma vez em cima da mesa de um bar? Culpada
Alguma vez disseste uma mentira? Culpada
Tiveste sentimentos por alguém e que não podes recuperar? Culpada
Beijaste uma foto? Inocente
Dormiste até depois das 5 da tarde? Culpada
Adormeceste no trabalho/escola? Culpada
Agarraste uma cobra? Inocente
Foste expulso/a da escola? Inocente
Assaltaste uma tenda? Inocente
Fizeste alguma coisa de que te arrependes? Culpada
Tocaste num copo congelado com a língua? Culpada
Beijaste na chuva? Culpada
Sentaste-te num telhado? Inocente
Beijaste quem não devias? Culpada
Cantaste no banho? Inocente
Empurraram-te com toda a roupa vestida para uma piscina? Culpada
Rapaste o cabelo todo? Inocente
Já dormiste nu/a? Culpada
Já deste uma queda à frente de muita gente? Culpada
Tiveste uma equipa de boxe?  Inocente
Deixaste um/a noivo/a a chorar? Inocente
Estiveste numa banda? Inocente
Já disparaste uma arma? Inocente
Já doaste sangue? Inocente
Comeste comida de gato? Inocente
Já comeste cheesecake? Culpada
Neste momento, amas quem não deves? Inocente
Tens uma tatuagem? Culpada
Já gostaste de alguém, mas não disseste a ninguém? Inocente
És honesto/a? Culpada
Arruinaste uma surpresa? Inocente
Comeste num restaurante, mas estavas tão cheio/a que não conseguias andar? Inocente
Eliminaste alguém da tua lista de amigos? Culpada
Vestiste-te com roupa de homem/mulher? Inocente
Já foste a um leilão? Inocente
Mantens contacto com um/a ex-namorado/a? Inocente
Um completo desconhecido ofereceu-se para pagar a tua viagem de autocarro? Inocente
Enervaste-te tanto que choraste de raiva? Culpada
Queres voltar atrás no tempo e corrigir um erro teu? Culpada
Odeias algum "amigo" teu? Inocente
Tentas manter-te afastado/a de certas pessoas, porque achas que é melhor para elas? Culpada
Já tiveste um amor não correspondido? Culpada
Estás aborrecido/a ou chateado/a? Culpada

segunda-feira, 12 de agosto de 2013

Comemorações - Passatempo





Este fim de semana deu-se início às comemorações para o primeiro aniversário aqui do estaminé!
Parece que foi ontem mas, na verdade, este mês de Agosto, no dia 29 estamos a festejar 1 ano de vida e de histórias e de desabafos. E digo estamos porque este espaço não é só meu. Pelo contrário, este espaço é de todos vocês que participam, que criam diálogos sobre os temas ou que simplesmente passam os olhos pelas palavras que por aqui semeio.

Sendo assim, e em parceria com o blog da Jovem Atrapalhada e com o blog Passatempos, poupanças e crónicas, foi lançado um Passatempo para comemorar a data especial.

Existem dois prémios - um deles será uma surpresa - que serão atribuídos de forma aleatória entre todos os que decidirem participar. Espero que gostem pois é uma forma de vos agradecer a todos o carinho que tenho recebido.

Para participar só têm de seguir as instruções e preencher o formulário que podem encontrar aqui.
Boa sorte a todos! :)

Agora digam-me lá, gostaram da ideia?

domingo, 11 de agosto de 2013

Liebster Award II



Este selo está de volta aqui ao estaminé! Depois de ter respondido pela primeira vez aqui, é-me lançado este desafio de novo pela fofa Jovem Atrapalhada.

Sendo assim, vou passar directamente às perguntas que me foram lançadas:

1. O teu blog actual foi o primeiro que criaste?
Sim, este foi o primeiro blog que criei. Nunca antes me tinha aventurado por estas paragens.

2. Porque decidiste criar o blog? Qual o teu objectivo na sua criação?
Foi um escape que encontrei. Uma forma de falar abertamente do tudo e do nada que me passa pela cabeça. Além de ser um regresso a uma velha paixão: a escrita.

3. O que consideras importante num blog? O que tentas sempre ter em conta ao criares as tuas postagens?
Para mim é importante as pessoas sentirem-se identificadas de alguma forma com o blog em questão. E é isso que procuro manter nas minhas postagens. Uma ligação com os leitores e que se traduza em comentários, ou seja, em diálogo entre todos.

4. Os teus conhecidos sabem da existência do teu blog?
Não, ninguém que me conheça pessoalmente sabe que tenho um blog.

5. Quais as melhores experiências que o teu blog te proporcionou?
Conhecer blogs e, consequentemente, pessoas fantásticas e cheias de talento.

6. Descreve o teu blog em três palavras.
Secreto, verdadeiro, intenso.

7. O que podem os leitores encontrar ao visitar o teu blog?
Espero que seja sempre uma caixinha de surpresas agradáveis.

8. O teu blog já te proporcionou situações desagradáveis?
Não, de todo. Ainda sou pequenina e até ao momento só tem surgido situações positivas.

9. Achas estes desafios importantes ou aborrecidos?
Importantes para conhecer melhor quem está do outro lado do ecrã. Para desvendar um pouco mais daquilo que nem sempre é tão óbvio.

10. Já alguma vez pensaste eliminar o blog?
Nunca.

11. Quais as tuas inspirações para escrever no blog?
Tudo serve de inspiração. A vida pessoal, profissional, os momentos de lazer, de cultura ou mesmo e só de parvalheira.

Quem quiser levar, já sabe, está à vontade! ;)

Parabéns para mim


Porque hoje faz 8 anos que tirei a carta e me iniciei neste mundo dos automóveis e do trânsito e das rotundas - o terror dos terrores quando se tira a carta e ainda se é aselha na arte do ponto de embraiagem.

Também este verão se comemora 8 anos de amizade com a melhor amiga do coração. A amiga está de férias mas no regresso o nosso jantar para festejar esta ligação já está agendado!

E para terminar em beleza, hoje decidi-me a experimentar a última das tendências deste verão: as tão faladas madeixas californianas!
Devo dizer que adorei o resultado!
Mas irei colocar as fotos devidas do antes e do depois. Assim que as tiver aqui no pc, mostro tudo.
E aguardo, claro, as vossas opiniões! ;)

sábado, 10 de agosto de 2013

Percebemos que estamos a ficar velhas


Quando torcemos com muita força para a pessoa com quem combinamos sair desistir da ideia a qualquer momento, nem que seja à última da hora.

É que até gosto de sair e, com este calor, uma esplanada é um programa bem tentador, mas a disposição é tão pequenina que nem a boa companhia me anima para esta noite...

A p*ta da idade deve estar a dar um ar de sua graça... Também vos acontece??

sexta-feira, 9 de agosto de 2013

O meu fim de semana começou ontem


Até parece mentira, mas é verdade!
Ontem, pelas 20 horas, dei início ao primeiro - e, provavelmente, único - fim de semana prolongado deste verão.
E devo dizer que me soube pela vida saber que hoje não teria de acordar e começar todo o ritual para ir trabalhar e chegar a horas. Toda uma calma que por vezes sabe mesmo bem.

Não estou em situação que me possa queixar. Tenho um emprego que está perto de ser perfeito. O trabalho é na área que me dá gosto trabalhar. Não é propriamente um trabalho cansativo, pelo menos, a nível físico. Tenho excelentes perspectivas de progressão na carreira para o futuro imediato que pode ser já em Setembro. Um patrão de fazer inveja a todo o mulherio e que paga a tempo e horas e sem falhas nem cortes.

Mas como tudo parecia bom demais, eis que surge aquele colega que tem prazer em nos infernizar a existência. Tudo corria bem com as devidas distâncias, sem grande contacto nem conversas aprofundadas. No entanto, esta semana, com o volume de trabalho mais baixo devido às férias de algum pessoal, passei o tempo todo no escritório. O que nos obrigou a um convívio maior e que eu dispensava de bom grado.

Nem foi preciso a semana completa para me esgotar a paciência. Um espírito de contradição aliado à mania que sabe fazer o trabalho dos outros - quando mal faz o que lhe compete - e com uns pozinhos de arrogância como quem manda na ausência de superiores à séria. Estão a imaginar a combinação??

Por tudo isto, esta folga que antecipa o fim de semana veio mesmo a calhar. Para acalmar os ânimos e recuperar a paciência que está tão escassa por aqui. E para relaxar. E preparar mais uma semana de trabalho que precisa ser brilhante.

quarta-feira, 7 de agosto de 2013

Onde está o Wally?


Porque por vezes é preciso procurar novas formas de nos encontrarmos...

Está difícil


Mas não está esquecido!
Ando um tanto ou quanto ocupada e tem sido complicado vir até aqui ao meu espaço deixar uma frase que seja. Também a inspiração não é muita, confesso. O trabalho anda a absorver-me de tal maneira que os únicos pensamentos que me ocorrem são relacionados com as marcações que fiz e a dúvida se serão suficientes, já para não falar na questão relacionada com a agenda dos técnicos estar devidamente preenchida para que não fiquem no escritório ou no café mais próximo a encher chouriços.
Coisas muito aborrecidas como podem comprovar. Então preferi poupar-vos a este tédio profissional.

No entanto, hoje venho comprometer-me a voltar à rotina deliciosa de vir cá todos os dias deixar uma notinha que seja.
É preciso não esquecer o desafio da querida Jovem Atrapalhada que está à minha espera e das minhas respostas (salvo seja).
Bem como de um outro projecto mais antigo, mas que não ficou esquecido, das madeixas californianas e do kit que me pisca o olho todos os dias. Não prometo, mas é provável que ainda este fim de semana consiga experimentar esta nova tendência.
Sem contar ainda com uma ou outra surpresa que ainda não pode ser revelada neste momento.
Mas em breve terão notícias...

Vá, agora é puxar por mim, meus amores. Comentem, chamem, gritem por mim.
Façam-me ter remorsos por não escrever coisas novas! :p

domingo, 4 de agosto de 2013

A filha da minha melhor amiga



aqui vos tinha contado da forma imediata como me apaixonei por esta autora e pela sua escrita.
Este é já o terceiro livro e cada vez estou mais rendida. Mais deliciada com a forma como nos prende à trama de cada personagem até à última página.
Com a brilhante ideia do Continente de colocar as primeiras obras de Dorothy Koomson com 20% de desconto e ainda acrescentar a isso um leve 2 pague 1, não resisti e na sexta feira cai em tentação.
Trouxe dois comigo para casa - muito embora, se a carteira permitisse, teria trazido os outros dois que lá ficaram a piscar-me o olho - e devo dizer que este já cá canta. Que é como quem diz, está lido em menos de 24 horas. Mais de 400 páginas lidas quase sem interrupção. Só parei às 7 da manhã porque achei por bem dormir um pouco e continuar assim que acordasse. Foi o que fiz. E valeu a pena cada minuto nele investido.

Agora tenho de me controlar para não atacar já de rajada o próximo. É que ainda quero saborear estas pessoas que acabei de conhecer sem estar já a pensar em outras.
Mas quando houver mais desenvolvimentos no campo das leituras eu comunico com vocês. ;)

sábado, 3 de agosto de 2013

Selo Versatile Blogger


 
Este selo veio morar aqui no blog por intermédio da sempre querida Jovem Atrapalhada.
Muito obrigada pela lembrança ;)
 
Ora então passemos às regras do jogo:
 
  • Colocar o selo no blog
  • Escrever 7 coisas sobre ti
  • Atribuir o selo a 15 bloggers e avisá-los
 
Posto isto, é hora de escrever 7 coisas sobre mim (tarefa sempre difícil):
 
  1. Sou apaixonada por noites de lua cheia, em especial com o mar como pano de fundo e em boa companhia.
  2. Adoro ler e gosto da sensação física de ter um livro nas mãos. De folhear, do cheiro.
  3. Adoro preto e detesto amarelo.
  4. Sou uma adepta fervorosa de Hóquei em Patins.
  5. Detesto mentiras e pessoas falsas.
  6. Prefiro trabalhar com homens do que mulheres.
  7. Não me imagino a viver fora de Portugal. A única excepção seria Nova Iorque, a cidade dos meus sonhos.
 
No que toca a passar este desafio a 15 pessoas, vou preferir que aqueles/as que se sintam com vontade de o fazer se sintam à vontade para o levar. Não gosto de imposições e sei que nem toda a gente gosta destas coisas. Mas espero que quem se sentir disposto a partilhar connosco um pouco sobre si, deixe o aviso para que me permita ir lá espreitar! Divirtam-se que é fim de semana!!! ;)
 


quinta-feira, 1 de agosto de 2013

Vai um copo?


A notícia do momento até se passou aqui por perto e tem sido motivo de muito espanto.
Ora, que uns copos a mais, segundo estes digníssimos juízes, não interfere em nada com o trabalho. Pelo contrário, até torna o trabalhador mais produtivo porque fica mais feliz e executa as tarefas com mais empolgação. Interessa lá agora se as executa mal. O que importa é um trabalhador feliz e realizado. E se para isso é preciso ir trabalhar com os copos, então força.

Meu prezado patrão, no próximo almoço de trabalho não se livra de pagar umas garrafinhas de vinho do bom. Que o que é preciso é nos manter felizes. E se o álcool nos faz esquecer as agruras da vida, venha de lá ele. Já sabe, fica o aviso!

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...